• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Atitude Coletiva

chevron_left
chevron_right

Você está fazendo errado! As piores gafes que turistas cometem no Japão

Confira quais são os erros cometidos por brasileiros ao viajarem para o outro lado do mundo.

O Japão é um país de cultura milenar com vários templos, tecnologia, lojas de mangás, jogos de videogame, pessoas usando cosplays e muita, mas muita gente!

japao_sossolteiros

G1

Mas eles não ficam se cotovelando tipo metrô as seis, os japoneses são pessoas bem educadas e gostam de ser tratados com respeito. Por isso é importante pesquisar bem os costumes locais antes de resolver colocar os pés do outro lado do mundo.

Pensando nisso, a ilustradora americana Libby VanderPloeg, publicou uma série intitulada “Etiqueta japonesa para viajantes“. A gente reuniu essas dicas pra você que está pensando em dar um pulinho do outro lado do mundo, ou só está curioso para ver como as coisas funcionam por lá. Pega no pauzinho e vem com a gente!

***

1. Manuseio de Cartão de Visitas com uma mão

cartao_de_visita_sossolteiros

– Não | Sim

No Japão, o cartão de visitas é uma extensão de você mesmo. Tanto para oferecer quanto para receber, o correto é usar as duas  mãos e olhar nos olhos da outra pessoa. Tem que ler o cartão antes de guardá-lo. Por aqui, meu cartão de visita é um grito “me acha no face!”

 

2. Ao comer niguiri, molhar o arroz no shoyo

sushi_sossolteiros

Para evitar desfazer o niguiri, vire-o de cabeça pra baixo e molhe a parte do peixe no shoyo. Mas isso deve ser feito rapidamente, encharcar a comida de shoyo pode ofender o chef. Melhor nem perguntar se pedir molho barbecue também ofende.

 

3. Enfiar o hashi no arroz

arroz_sossolteiros

Para os Budistas, isso significa oferecer o arroz aos mortos. O correto é descansar o hashi horizontalmente no pote, ou então na cerâmica oferecida pelo restaurante. Nada de fincar o pauzinho.

 

4. Enrolar o quimono do lado errado

quimono_sossolteiros

Se durante a viagem você ficar em um hotel tradicional japonês, você pode receber algum tipo de quimono, como o yukata. Se por algum motivo resolver colocá-lo para sentir a cultura local, tenha certeza que o lado esquerdo está em cima do lado direito – do lado contrário apenas os mortos utilizam. Fica fácil ir fantasiado de “Walking Dead” por lá, né?

 

5. Pés descalços no chão fora de uma residência

sapato_sossolteiros

Os anfitriões japoneses esperam que seus convidados removam seus sapatos antes de entrar em suas casa. Se você pisar no chão descalço, ou com uma meia, você leva a sujeira para dentro e perde todo o propósito de tirar o sapado para não sujar a casa, além de mostrar desrespeito com o anfitrião. Chulezentos não passarão.

 

Etiquetas Extras

  • Também não podemos nos esquecer de deixar sempre o lado esquerdo da escada rolante livre, já que lá eles dirigem do lado direito.
  • Eles são educados, mas não estão para brincadeira quando o assunto é trânsito de pessoas. Atrase sua caminhada e certamente levará um encontrão!

japao_rua_sossolteiros

  • E por favor, vamos ser bem mais limpinhos, tá? Lá, até o gelo que sobrou no seu copo tem lixo certo, e quando for almoçar, numa praça de alimentação, por exemplo, é costume deixar a mesa limpa após a refeição.

mesa_sossolteiros

 

Com essas dicas em mente, curta muito sua viagem. Está liberado o pau de selfie – eles também amam tirar fotos 😉

 

Talita Goncalves
Publicitária e paulista, mora na capital há 5 anos. Viciada em séries, livros, filmes, Harry Potter e Taylor Swift. Prefere Netflix à balada, e usa o Tinder para fazer amigos ;)

Tá na rede!

Quero mais!

Veja mais artigos!

Em caso de chefe
clique aqui