• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Vai, planeta!

Transformar lixo em adubo vira lei em Florianópolis

Resíduos orgânicos não podem mais ser incinerados ou encaminhados para aterros.

A prefeitura municipal de Florianópolis sancionou uma lei pioneira no Brasil: a destinação ambientalmente adequada dos resíduos sólidos orgânicos passa a ser obrigatória em todo o território do município.

Na prática isso quer dizer que o ‘lixo orgânico’ não pode mais ser incinerado nem encaminhado para aterros sanitários – precisam passar por processos de reciclagem ou compostagem.

A cidade já conta com uma ação comunitária para gerir resíduos orgânicos: a Revolução dos Baldinhos teve início em 2008 e desde então os moradores vêm se educando para destinar corretamente o lixo orgânico. A iniciativa popular foi inclusive premiada internacionalmente no início desse ano.

O vereador Marquito (PSOL), autor da proposição, defendeu seu projeto afirmando que a “participação comunitária no cuidado com os resíduos gera melhor saneamento e saúde pública e ainda pode oportunizar capital social para regiões mais pobres“.

Como já dissemos, Florianópolis é o primeiro município do país a contar com uma legislação tão específica e abrangente para destinação de resíduos sólidos. É uma ótima alternativa para integrar sociedade, poder público e meio ambiente. Que tal levar essa ideia para a sua cidade?

Fonte(s): Câmara Municipal de Florianópolis, Ciclo Vivo
Daiane Oliveira
Redatora, feminista e mãe. Discute religião, política, sexo e hábitos sustentáveis. Não discute futebol porque não entende. Quem sabe um dia.

Tá na rede!

Quero mais!

Veja mais artigos!

Em caso de chefe
clique aqui