• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Sinta-se Bem

Sal é bom para regular a pressão baixa ou pode ser perigoso?

Especialistas também explicam se água e comida ajudam ou só atrapalham.

Paulo Olinto Publicado: 13/04/2020 11:31 | Atualizado: 13/04/2020 12:08

Basta cair a nossa pressão, a primeira coisa que passa na cabeça? Tomar sal! O truque da boa e velha pitada de sal embaixo da língua para ajudar a subir a pressão é um costume muito antigo.

Conversamos com dois especialistas para descobrir se essa técnica funciona e se faz bem ou faz mal, bem como o que pode ser feito como alternativa em situações de queda de pressão.

O cardiologista Dr. Fábio Lordelo, Mestrando em Medicina e Saúde Humana e professor da Universidade Salvador (Unifacs), explica que a ingestão do sal pode fazer mal, sim!

“A justificativa está no fato de que não saberemos como o corpo do indivíduo que a ingeriu pode responder a elevação rápida dos níveis pressóricos”, afirma.

Lordelo explicou que o sal poderia aumentar a pressão muito rápido após a ingestão. Além disso, conta que também não é recomendado oferecer água ou comida, para evitar que o paciente aspire pelas via aéreas.

“[…] evita broncoaspiração, no caso de vômito (com a perda dos reflexos naturais, o alimento ou líquido vai para o pulmão, ao invés do estômago)”, alerta.

Também conversamos com o Dr. Lima Neto, cardiologista, ecocardiografista, professor na Faculdade de Medicina do INTA e Internato da Universidade Federal do Ceará (UFC). O médico alerta não existir gambiarra nessa hora e dá a dica:

“Durante uma queda de pressão o ideal é deitar a pessoa e até elevar as pernas.

Observar também que é necessário, em avaliação médica, diagnosticar a causa da queda de pressão”, afirma o especialista.

Então já sabe: não ofereça sal, água, nem biscoito salgado!

Apesar de enfaticamente rejeitarem sal para tratar pressão baixa, os especialistas entram em desacordo em um ponto, enquanto Lordelo defende que os níveis pressóricos podem ser elevados de maneira rápida após a ingestão do sal, Lima Neto diz o contrário:

“O sal não aumenta a pressão imediatamente. O uso diário causa uma elevação crônica”, contrapõe Dr. Lima Neto.

Maria Helena Varella Bruna, responsável pelo site do Dr. Drauzio Varella e irmã do médico, concorda com Lima Neto: “o sal demora muito tempo para ter reflexo na pressão arterial”. Segundo o artigo publicado, existe um mito de que o sal ajuda nestes casos pois ele é associado à hipertensão.

A orientação do Dr. Lima é levar essa pessoa para um lugar em que ela possa sentar ou deitar.

“Geralmente a pressão vai melhorando em alguns minutos, principalmente com a manobra da elevação das pernas.

Em casos mais graves deve-se chamar o SAMU. Existem muitos casos de queda de pressão, variando desde casos leves até os mais graves, como um infarto”, explica o especialista.

Portanto, se a pessoa desmaiar, levante suas pernas para que seja mais fácil do sangue voltar para o coração e cérebro. Se ela acordar na hora, é muito importante que depois procure um médico para identificar a causa do desmaio. E se não acordar, chame imediatamente o SAMU!

Fonte(s): Huffington Post, Catraca Livre, UOL, Drauzio Varella
Paulo Olinto
Mestrando em Jornalismo e Pesquisador de desinformação nas redes sociais. Adora plantas e um bom papo sobre política, educação, e claro, marketing digital no nosso amigo Instagram.

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui