• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Vai, planeta!

Por acaso foi o Bolsonaro que colocou fogo na mata? Que culpa o governo tem nisso?

O governo sinaliza, grita e esperneia que o crime compensa. E muito!

“Vamos supor que:

► Ele nunca tenha dito que causa ambiental é “coisa de vegano” e que atrasa o país (leia mais).

► Ele nunca tenha proposto extinguir o Ministério do Meio Ambiente (leia mais).

► Ele nunca tenha dito que o Ibama era indústria de multa (leia mais).

► Ele não tenha dito que estava ao lado dos ruralistas e contra o Ibama (leia mais):

► Que ele não tenha dito que não ia mais criar área protegida (leia mais):

► Ele não tenha dito que dá pra explorar minério em terra indígena (leia mais).

Mesmo assim, como podemos apontar a culpa do governo?

► O corte para o ministério do Meio Ambiente foi de 187 milhões de reais (leia mais).

► O corte relacionado ao Ibama foi de 89 milhões, quase metade do valor contingenciado (leia mais).

► Estamos perto de um incidente diplomático e econômico com a Alemanha e Noruega, que suspenderam o Fundo Amazônia, no qual corresponde a um valor de 3,4 BILHÕES DE REAIS. Esse fundo mantém por exemplo, os helicópteros usados para fiscalização e combate a incêndios (leia mais):

E tem mais…

► O governo ignorou todos os alertas de incêndio enviados pelo INPE desde janeiro (leia mais).

► Desqualificou e negou dados científicos sobre o desmatamento (leia mais).

► Transferiu o serviço florestal brasileiro do MMA para o ministério da Agricultura (leia mais).

► Anunciou um sistema que alerta antecipadamente os locais onde haverá fiscalização – assim fica fácil pra irregularidades (leia mais).

► Cortou 50% do orçamento do Prevfogo (leia mais).

Calma que tem mais…

► A tal “indústria da multa” do Ibama alegada por Bolsonaro, até 2018, conseguia apenas 5% de multas quitadas (leia mais).

► Como se não bastasse, houve redução de 34% no número de autuações ambientais em 2019 (leia mais).

► Pra piorar, o governo criou em abril desse ano, o tal Núcleo de conciliação, que tem o poder de anistiar multas ambientais (leia mais).

Definitivamente, o governo sinaliza, grita e esperneia que o crime compensa. E muito! Sim, o discurso anti-ambientalista estimula o crime.

Mas as ações são ainda piores:

► Em 40 anos, desmatamos 17% da Amazônia. Se chegarmos a 20%, já era. Pois ela atinge o “ponto de não retorno”, não conseguindo se manter, não conseguindo captar CO2, formar os rios aéreos que promovem chuvas e estabelecer os serviços ecossistêmicos para reservas de água, produtos naturais, regulação do clima e até polinização de insumos agrícolas (leia mais).”

Texto originalmente publicado na página Frases Anarquistas.

Dario C L Barbosa
Fundador e editor do Almanaque SOS. Paulistano, formado em Comunicação Social, trocou os anos em redes de rádio e televisão (SBT, Record, Band, etc.) pela internet em 2012. Vegano e meditante, busca evoluir junto com todos os seres enquanto caminham. ( Twitter - Instagram ).

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui