• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Sinta-se Bem

Piercing na orelha é a nova aposta contra crises de enxaqueca. Será que funciona?

Técnica surgiu na rede em 2015 e ganhou força desde então.

Quem sofre com crises de enxaqueca provavelmente toparia qualquer parada para se ver livre dessas dores. Mas e se aquilo que lhe curasse, ainda pudesse te deixar mais estilosa(o)?

Isso porque estão dizendo por aí que usar piercing em um ponto específico da orelha, pode acabar com suas dores de cabeça definitivamente.

A nova “técnica” contra a enxaqueca surgiu em meados de 2015 e vem ganhando força porque promete curar uma doença que, além de ser genética e neurológica, ainda não existe tratamento efetivo.

Chamada como Daith Piercing, a “tendência” sugere usar o piercing na dobrinha da cartilagem do seu ouvido interno, essa iniciativa promete dar fim às dores pois o local onde é feita a perfuração corresponde a um ponto de acupressão (os pontos da acupuntura), responsável por causar o alívio na dor.

Será que funciona?

As opiniões sobre Daith Piercing são confusas. Enquanto algumas pessoas relatam que conseguiram uma melhora significativa nas dores de cabeça e crises de enxaqueca, também há aqueles que não notaram diferença alguma ao utilizarem um piercing na orelha.

Mas uma coisa é fato e devemos deixar claro, segundo o site especializado em enxaqueca Migraine Again, a cura, nesse caso, é uma farsa. Como citado acima, ainda não há tratamento 100% efetivo para enxaqueca, então o máximo que qualquer técnica pode conseguir é amenizar a intensidade da dor ou diminuir o número de crises.

De acordo com o acupunturista, Dr. Will Foster, em entrevista ao site Local 8 Now, nessa região da orelha existem postos de acupressão que estão relacionados com o nosso sistema digestivo.

Portanto, se o motivo de suas dores de cabeça ou crises de enxaqueca forem por problemas digestivos, o Daith Piercing pode fazer algum efeito, mas não é garantido.

Apesar de uma “luz no fim do túnel”, o profissional recomenda que, nesses casos, o melhor a fazer, antes de colocar um piercing, seria procurar um acupunturista. O profissional saberá avaliar o caso da melhor maneira e você pode até testar se a pressão na sua orelha vai amenizar os sintomas.

Colocando à prova!

O Migrane Pal, site especializado em pesquisas científicas sobre enxaquecas e dores de cabeça, decidiu testar a eficácia da técnica através de um estudo informal.

Foram entrevistadas 380 pessoas que já haviam recorrido ao estiloso piercing para se verem livres das dores de cabeça, e os resultados foram mais positivos que negativos.

64% dos entrevistados relataram uma diminuição na freqüência de suas enxaquecas; porém 5% alegou uma piora nos sintomas; Quanto a intensidade da dor, 66% disseram que as dores ficaram mais fracas, 29% não sentiram nenhuma mudança e 5% sentiram uma piora.

A ciência duvida

Segundo entrevista do médico especialista em dores de cabeça, Dr. Emad Emestalmak ao site científico Cleveland Clinic, a ideia de um piercing amenizar uma crise de enxaqueca é uma bobagem.

Não há nada na literatura que eu já ouvi, nada sobre o que lido, nada que estudei lá, que apoia esse procedimento para tratar a enxaqueca. Receber um piercing nessa área não irá alterar o caminho da dor.” – disse o especialista à publicação.

Ainda mais, para o doutor, as pessoas que relatam uma considerável melhora ao utilizarem a curiosa técnica são apenas exemplos do famoso efeito placebo.

Esse efeito consiste em aplicar um tratamento em uma pessoa que, na realidade, não causa nenhum tipo de benefício, mas só pelo fato do paciente acreditar que o medicamento irá curá-lo, a doença realmente desaparece – o poder da mente.

Mas calma lá!

Uma coisa deve ser levada em conta nessa história toda. Se o Daith Piercing realmente é baseado nos fundamentos da acupuntura, trata-se de uma técnica oriental, certo?

E não é de hoje que sabemos da dificuldade da medicina ocidental dar o braço à torcer quando o assunto é a medicina oriental que, apesar de ser descredibilizada por muitos especialistas “do lado de cá”, já teve vários benefícios comprovados pela ciência ocidental.

Portanto, se você leu tudo isso e está acreditando que o piercing na orelha pode ser sua salvação, siga a sugestão do Dr. Foster e procure, antes de tudo, um especialista no assunto (acupunturista) para te orientar.

Assim como afirmam os especialistas, cada pessoa é uma pessoa, cada organismo reage de maneira diferente aos vários estímulos que oferecemos à ele. Procure uma orientação segura que, talvez, essa modinha da rede pode realmente te ajudar.

Fonte(s): Migraine Again, Huffington Post, The Daily Migraine, Local 8 Now, Cleveland Clinic, Vix Mulher - Facebook
Redação - Almanaque SOS
Sempre tem jeito. Acompanhe o SOS também pelo Facebook, Instagram e Twitter

Tá na rede!

Quero mais!

Veja mais artigos!

Em caso de chefe
clique aqui