• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Faz Tudo

chevron_left
chevron_right

Pesquisa revela como a nossa casa influencia a vida afetiva

O que vale na paquera? O modo como arrumamos e decoramos nosso ‘cantinho’ conta muito.

A casa de uma pessoa pode ser considerada a extensão dela e de sua personalidade. Dentro de casa ninguém finge ser quem não é, não precisa agradar ninguém, pode andar peladão, pode deixar a louça suja e dançar de calcinha na frente do espelho, pode até parar de ficar segurando pum o dia todo.

Mas a forma como você decora e como você arruma (ou não) o seu cafofo pode ter relação com sua vida amorosa.

giphy (5)

– Três encontros, e eu ainda não fui ao seu apartamento.

O site de decoração Westwing, em parceria com o site de relacionamentos europeu eDarling, fez uma pesquisa para descobrir os hábitos da galera em suas casas e como as pessoas podem se interessar por outras pelo modo que arrumam e decoram seu “cantinho”.

Às vezes, essa é a dica que vai te ajudar a sair do zero a zero com o crush e fazer com que ele(a), finalmente se interesse por você! Quer saber o que sua casa diz sobre você? Confira:

***

1. Primeira impressão é a que fica

rsz_101

Segundo a pesquisa, 33,3% das pessoas acreditam que uma casa legal abriga um morador legal também. Afinal, a sua casa tem ou não tem a sua cara? É como julgar um livro pela capa: às vezes você acerta, mas outras vezes você se pergunta aonde estava com a cabeça quando se deixou levar pelo exterior (ou interior, no caso).

 

2. Diga-me como decoras e eu te direi quem és

rsz_02

Aquele momento em que a gente olha a prateleira da pessoa em busca dos detalhes apenas pela curiosidade e acaba conhecendo ela um pouco melhor. Os livros na estante, os quadros na parede, as plantas pela casa, cadeira feita por design famosinho: tudo isso pode dar uma pista do que a pessoa gosta.

Segundo a pesquisa, feita na Alemanha, as pessoas não veem apenas os móveis, mas também a personalidade. E o estilo mais popular entre os solteiros alemães é o country (rústico).

 

3. Não repare na bagunça

rsz_03

Lembram daquele episódio de Friends em que o Ross sai com uma mulher maravilhosa mas com um apartamento imundo?

“Sabe quando você joga a sua jaqueta numa cadeira no fim do dia? É mais ou menos isso, mas, em vez de uma cadeira, é uma pilha de lixo. E, em vez de uma jaqueta, é uma pilha de lixo. E, em vez de ser o fim do dia é o Fim dos Tempos e lixo foi só o que sobreviveu” – Ross Geller.

Não seja essa pessoa.

 

4. O que você lê? De onde você veio?

rsz_04

Uma cozinha limpa e bem equipada pode mostrar o potencial gastronômico do morador. Já nas fotos da família você enxerga aquele pedacinho da pessoa que ela não costuma mostrar pra todo mundo, revela a pesquisa.

E quando rola aquela compatibilidade literária à primeira vista? Aqui em casa a compatibilidade literária acontece quando os olhos do cara brilham ao ver meus quadrinhos do Batman.

 

5. O cachorro tem telefone?

rsz_05

Arte em alta? Sim! Mas não seja arrogante. Até porque, se apenas 26% dos homens curtem arte, 74% são, no mínimo, indiferente aos quadros e artistas.

Já com o cachorro não tem indiferença. A pesquisa revela que 28% das mulheres se sentem atraídas por caras com animais de estimação, a não ser que ele seja territorialista e lata para a visita todo o tempo em que ela estiver sentada no sofá.

A pesquisa revela também que 40% das pessoas solteiras curtem instrumentos musicais e vinis. A famosa cantada “vamos em cada ouvir uns discos” parece funcionar.

 

6. Não jogue a sujeira para debaixo do tapete

rsz_06

O banheiro é um lugar que revela tanto sobre você que é essencial uma limpeza e uma arrumação antes da visita chegar. Nenhuma pessoa é obrigada a conhecer a outra tão profundamente logo de cara. Tire os pentelhos do ralo, esvazie a lixeira do banheiro, tire as marcas de pasta de dente da pia, as calcinhas do box.

A pequisa revela, ainda que, para 22% dos entrevistados, um apartamento bem decorado é única razão para achar alguém atraente. Os entrevistados também revelaram que “por amor”, vale a pena investir em aparelhos high tech.

Mas, para os solteiros que fazem parte dos outros 78%, a personalidade e a química com a outra pessoa é o que realmente conta, mesmo que o apartamento esteja em fase inicial de decoração e a TV esteja em cima de uma cadeira.

Fonte e Imagens: Westwing

Ericka Guimaraes
Uma deusa, uma louca, uma feiticeira. Mãe, solteira e jornalista. Não necessariamente nessa ordem.

Tá na rede!

Quero mais!

Veja mais artigos!

Em caso de chefe
clique aqui