• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Atitude Coletiva

O que “1984” e “Admirável Mundo Novo” profetizaram sobre o mundo de hoje

Entenda porque devemos pensar mais em utopia e menos em distopia.

Não há como negar que nossa sociedade vem vivendo um intenso momento de transição, de mudanças radicais. Mas você já se perguntou qual será o resultado de tudo isso?

Imaginar como será o futuro da raça humana é um tema comumente abordado, seja pelos pessimistas ou otimistas. Será que esse futuro tão imaginado já não seja esse momento no qual estamos vivendo?

Quer dizer que estamos no futuro?

Pelos menos para dois grandes escritores do século XIX.

Tanto Aldous Huxley, em sua obra “Admirável Mundo Novo“, quanto George Orwell, no livro 1984, imaginaram há mais de 60 anos atrás como seria um possível futuro da sociedade, apesar das diferenças entre as duas obras, fica impossível não identificar tais características no mundo em que vivemos agora.

Mas antes de falarmos sobre isso, precisamos entender os conceitos de…

Utopia e Distopia

De acordo com o artigo de Franklin Leopoldo e Silva, professor titular de história da filosofia contemporânea da USP, a utopia é um visão de uma sociedade melhorada, em relação à sociedade atual.

Segundo o professor, embora uma visão utópica seja inalcançável, a possibilidade dela acontecer é presente, pois os caminhos que levariam a isso não são inacessíveis.

Imagine todas as pessoas vivendo em paz.

Já a distopia, ainda segundo o especialista, é o inverso. Ou seja, imagina-se um futuro igualmente inalcançável – porém possível -, mas com uma visão pessimista da realidade.

Enquanto na utopia, resolve-se os problemas atuais do mundo real, na distopia todos eles são intensificados, o comportamento desumano é naturalizado e esta consequência é tida como única alternativa.

Para ilustrar essas duas situações e como nos conectamos com elas, vale lembrar o utópico movimento Hippie, que ganhou o mundo na década de 60/70, e a atual, distópica e popular série “Black Mirror” da Netflix.

Enquanto a “sociedade alternativa” pregava paz e amor, uma sociedade igualitária, sem guerras e violência, ela era (e ainda é) sistematicamente criticada ou ridicularizada por grande parte da sociedade.

Enquanto isso, a série que nos mostra um futuro (bem próximo) onde a tecnologia desumaniza a sociedade, revelando um mundo cheio de facilidades, porém escuro e sem perspectiva, fica cada vez mais popular. Sinais dos tempos?

Cena de ‘Black Mirror’

O futuro chegou

Como distopia é a palavra da vez, a página do Alkaisers publicou uma série de ilustrações do artista australiano Stuart McMillen com textos de Neil Postman, autor e um dos mais importantes teóricos de comunicação dos Estados Unidos, que comparam a realidade dos mundos de Huxley e Orwell nos fazendo refletir sobre nossa atual situação.

O futuro relatado nos livros lançados há décadas pode realmente ter chegado, uma boa reflexão sobre como voltar a pensar a utopia é mais do que urgente. Se liga:

Fonte(s): Alkaisers - Facebook, Casa do Saber, UOL
Redação - Almanaque SOS
Sempre tem jeito. Acompanhe o SOS também pelo Facebook, Instagram e Twitter

Tá na rede!

Quero mais!

Veja mais artigos!

Em caso de chefe
clique aqui