• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Comes & Bebes

chevron_left
chevron_right

Camada dura em cima da mousse? Então faça isso.

Uma dica prática pra manter seu docinho livre da capinha seca de gordura.

Bruno Oliveira Publicado: 29/04/2022 09:16 | Atualizado: 29/04/2022 09:16

Nem todo mundo gosta daquela camada grossa e ressecada de nata que se forma na sobremesa quando ela passa muito tempo na geladeira, né? Essa capinha se forma em praticamente qualquer doce gelado preparado com leite. Para acabar com esse problema, se liga nessa dica simples!

 

Como evitar nata em cima da sobremesa

Você só vai precisar da sua sobremesa e plástico filme.

Basta colocar o filme colado à superfície da sobremesa. Agora é só guardar na geladeira. Tchau, capinha de nata!

 

Como o truque funciona

O plástico filme bloqueia o contato do alimento com o ar seco da geladeira, impedindo que ele resseque. Dessa forma, o seu mousse, manjar, pudim e brigadeiro vão continuar macios e gostosos como se fosse novo.

 

E por que o doce resseca?

Apesar de muita gente achar que a geladeira é úmida, na verdade, os refrigeradores operam a partir de um sistema de ar seco. Ele circula um ar gelado em seu interior que serve para manter a temperatura e gelar todos os itens que estiverem lá dentro, tanto no caso dos doces como de outros alimentos.

“Isso [o método de isolar com o plástico filme] evita a desidratação superficial causada pela refrigeração”, reforçou Palo Coimbra, um de nossos seguidores no Instagram.

Em outras palavras, o ar frio não retém muita umidade e é por isso que os alimentos ressecam depois de algum tempo dentro da geladeira. Por outro lado, o ar quente faz o oposto, ele absorve a umidade. É assim que funciona quando usamos um secador nos cabelos, por exemplo.

 

E o que a nata tem a ver com isso?

A nata é formada a partir do leite em repouso, isso acontece pois tem em sua composição uma série de compostos como proteínas, sais minerais, açúcares e vitaminas. Além disso, entre esses compostos, também existem milhares de glóbulos de gordura do leite, esses que são os responsáveis pela formação da nata.

O que acontece é que quando o leite fica em repouso, esses glóbulos de gordura se deslocam para a superfície, formando essa camada grossa que, apesar de tão odiada por uns e amada por outros, serve para diversas preparações na cozinha, desde um simples biscoitinho até o famoso chantilly.

Caso você não tenha percebido, esse processo de separação da gordura de outros líquidos não é exclusividade do leite em si. Esse processo também acontece com alguns molhos, marinadas e até com aquele guisadinho brasileiro, que também forma uma camada de gordura caso fique por algumas horas na geladeira.

 

Fonte(s): La filière laitière française, Brasil Escola, teinamento24, Laticínios Holandês, eCycle, greenMe, World Economic Forum, WWF Brasil, greenMe, KitchenSeer
Bruno Oliveira
Atleta virtual, jornalista, podcaster e gamer de esquerda nas horas vagas. Acredita piamente na capacidade do ser humano de ser melhor, sempre. Dog person e pernambucano, observa o mundo em camadas.

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui