• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Comes & Bebes

chevron_left
chevron_right

Marcas de Óleo de Coco têm 40% mais gordura saturada do que diz na embalagem

Teste feito pela Proteste revelou que 6 empresas falharam na divulgação.

A Proteste, maior Associação de Consumidores da América Latina, realizou testes em oito marcas de óleo de coco para avaliar sua composição, a qualidade dos rótulos e veracidade das informações apresentadas. A marcas analisadas foram:

  • Copra
  • Ducoco
  • Finococo
  • Katigua
  • Mundo Verde
  • Natural Life
  • Qualicoco
  • Unilife

Dos resultados dos testes, uma informação chama atenção: as marcas Katigua, Natural Life e Qualicoco possuem mais de 40% de gordura saturada do que indicam nos rótulos. Unifile, Finococo e Ducoco também apresentam mais gordura saturada do que o rotulado, mas menos que 30%.

Vale lembrar que o consumo exagerado de gordura saturada pode aumentar os níveis de LDL, conhecido como colesterol ruim porque se acumula nas artérias. Dessa forma, os consumidores das marcas destacadas podem estar ingerindo mais gordura saturada do que imaginam.

Segundo a associação, outros tipos de gorduras também tiveram diferença na embalagem:

“Quanto às gorduras monoinsaturadas, em três marcas, foram identificados valores superiores em 26% no óleo de coco da marca Copra, 39% na marca Ducoco e 52% na Katigua. As maiores diferenças quanto às gorduras poli-insaturadas que observamos, no entanto, foram encontradas nas marcas Copra (58%), Katigua (78%) e Natural Life (52%) e Mundo Verde (55%)

Independente desses dados, a Proteste afirma que:

“O que se sabe com garantias científicas é que o óleo de coco virgem (obtido da polpa do coco fresco maduro) é menos prejudicial à saúde do que outras fontes de gordura saturada“.

Fonte(s): Proteste, Saúde
Daiane Oliveira
Jornalista, feminista e mãe. Discute religião, política, sexo e hábitos sustentáveis. Não discute futebol porque não entende. Quem sabe um dia.

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui