• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Comes & Bebes

chevron_left
chevron_right

Macarrão de “1 minuto”: conheça a receita para preguiçosos

Importante adiantar que o preparo total da receita leva mais do que 60 segundos.

Bruno Oliveira Publicado: 24/11/2022 10:14 | Atualizado: 24/11/2022 10:20

Se você já se viu em uma situação em que não podia gastar muito gás ou só prefere economizar mesmo, esta dica é para você! Neste artigo nós vamos te ensinar como preparar macarrão com água fria. Tome nota!

 

Como cozinhar o macarrão “em 1 minuto”

Antes de mais nada precisamos esclarecer que a receita não leva exatamente 1 minuto para ficar pronta, destacamos esse tempo por um motivo que você vai entender já já. Acompanhe.

Passo a Passo

Para começar, você vai precisar de um recipiente grande que caiba a massa. Então, preencha com água e deixe o macarrão cru mergulhado por 2 horas (ou mais!). Esse é o pulo do gato, nós recomendamos que você respeite esse tempo, caso contrário a dica pode não funcionar tão bem.

A ideia aqui é você fazer pela manhã, caso prepare para o almoço. Por exemplo.

 

Enquanto isso, preparamos o nosso molho de tomate da seguinte maneira:

  • Cortamos os tomates em fatias grandes (também usamos as peles e sementes);
  • Douramos o alho picadinho com azeite, em uma panela com azeite;
  • Adicionamos o tomate e deixamos reduzir
  • Então adicionamos um sachê de extrato de tomate.

 

Na sequência, temperamos com:

  • Sal a gosto;
  • Manjericão a gosto;
  • 1 pitada de bicarbonato de sódio.

Se você não sabe, o bicarbonato de sódio neutraliza a acidez do molho de tomate; o açúcar apenas engana o paladar (não é recomendado por chefs).

 

Agora sim, 1 minuto! Com o fogo ainda ligado, adicionamos o espaguete que estava na água dentro do molho já pronto e deixamos ele cozinhar por exatos 1 minuto. Essa é a forma mais preguiçosa de preparar macarrão.

Caso queira evitar excesso de amido na massa (pois pode ficar pegajoso), cozinhe o macarrão por 1 minuto em água fervente com sal. Só então transfira para o molho.

 

Como é possível cozinhar o macarrão em apenas 1 minuto?

Independente da temperatura, a massa do macarrão absorve água de qualquer maneira, a diferença é que quando a água está quente esse processo de absorção acontece mais rápido.

Como nesse caso o macarrão foi exposto a água por pelo menos 2 horas, a massa acaba sendo hidratada. Porém, o amido presente nela não é ativado, isso só vai acontecer quando ela for devidamente aquecida.

Cozinhar a massa (no calor) é indispensável, pois, além de melhorar a consistência e fixação do molho no alimento, evita a intoxicação alimentar por meio de bactérias. Sem contar o corpo humano não irá digerir corretamente os carboidratos da massa, correndo risco de lesionar o apêndice e trazer graves prejuízos a sua saúde.

Por isso, é de suma importância que o espaguete vá para o fogo no final.

 

Como abrir o pacote de macarrão (espaguete) com facilidade

Nós já ensinamos esse truque aqui, mas vale a pena reforçar:

  • Segure firme o pacote com as duas mãos;
  • Bata com ele na vertical em uma superfície lisa e firme.

Esse processo é imediato e você ainda pode impressionar a visita com tamanha destreza.

 

O que a galera achou desta dica

Muitos seguidores do Almanaque SOS amaram a dica e compartilharam suas opiniões com a gente nas nossas redes sociais:

“Orraaaa, no valor que tá o gás, essa dica é sensaaaaa 👏👏❤️.”, diz Anne Aguilera em nosso Instagram.

“AMEI O “NÃO USEI AÇÚCAR” 🥰🥰🥰 Time bicarbonato! 😅.”, conta Elis Fortunato em nosso TikTok.

“Ainda que tenha que cozinhar um pouco é muito mais econômico e dá pra esquentar a água no micro-ondas para colocar de molho. Eu ameiiii, obrigadaaa!”, disse Leila Marques em nossa página no Facebook.

“Economizo gás de outro jeito. Panela tampada para a água ferver mais rápido. Coloco o macarrão e mexo. Quando volta a ferver apago o fogo e tampo a panela de novo. Deixo por uns 10 /15 minutos. Mexo de novo, tiro da água e coloco o molho. Fica cozido e gasto bem menos gás.”, explica Shirley Nascimento em nosso canal no Youtube.

Fonte(s): The New York Times, serious eats, The kitchn, Exploratorium, Brainly
Bruno Oliveira
Atleta virtual, jornalista, podcaster e gamer de esquerda nas horas vagas. Acredita piamente na capacidade do ser humano de ser melhor, sempre. Dog person e pernambucano, observa o mundo em camadas.

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui