• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Sinta-se Bem

Usar lápis de cor na maquiagem faz mal à saúde, alertam especialistas

Oftalmologista e dermatologista explicam os riscos que essa técnica pode causar ao organismo.

Marcela Briglia Franco Publicado: 13/08/2021 11:16 | Atualizado: 13/08/2021 12:31

Você piscou e mais uma moda veio ai. Circula nas redes sociais vídeos de blogueiras usando lápis de cor como batom e delineador. Mas a técnica pode fazer mal à saúde. Entenda a seguir.

 

Já faz um tempo que a maquiagem colorida faz sucesso. Entra ano e sai ano e, em algum momento, vídeos de tutoriais ensinando a fazer um delineado colorido diferentão e sombras em baixo dos olhos com cores vivas bombam na internet.

Aproveitando a tendência, a criadora de conteúdo digital Tammy Sloty, conhecida por ensinar truques de maquiagens, postou em seu perfil no Instagram um vídeo em que mostra como fazer delineado colorido usando lápis de cor.

A partir daí, vários perfis na plataforma começaram a testar a dica.

https://www.instagram.com/p/CQRCxq7HEpj/

A técnica consiste em molhar o lápis aquarelável em água morna por cerca de dois minutos e, em seguida, aplicar a ponta do material na região da pálpebra. A dica de fato dá certo, mas será que ela é indicada pela comunidade médica?

 

Palavra de especialista

O Almanaque SOS conversou com o oftalmologista Alfonso Nomura e a dermatologista Anelise Dutra para entender os possíveis riscos que a técnica pode causar à pele e aos olhos.

Na verdade, a tendência surgiu lá em 2015 quando as blogueiras estadunidenses, Brandy Willans e Brooke Eve, usaram lápis de cor da marca Crayola para se maquiar. Na época, a empresa alertou ao público sobre o uso do material na pele.

A Crayola afirmou que os lápis não foram projetados, testados ou aprovados para tal finalidade. Além disso, acrescentou que maquiagem requer ”testes específicos e rigorosos” antes de serem colocadas nas prateleiras das lojas.

Anelise Dutra concorda que o material não foi feito para entrar em contato com a pele. A dermatologista explica que apesar de ele não ser tóxico, o uso do material pode ter efeitos danosos a pele e a área dos olhos.

“O lápis de cor não é uma maquiagem, o corante presente no material artístico pode causar dermatite de contato. Os componentes do pigmento dele contêm produtos que, se absorvidos na mucosa ocular, bucal e até no olho, podem causar infecções”, explica.

A dermatite de contato é uma doença que acomete muitas pessoas, ela nada mais é do que uma reação inflamatória causada a partir do contato da pele com um agente capaz de causar irritação ou alergia. Entre os principais sintomas, estão coceira, erupções vermelhas, bolha, descascamento e urticária.

Os componentes do pigmento a qual a Dra. Anelise se refere são feitos a base de metais pesados, como cromo ou cadmio e madeira envernizada. Um levantamento feito na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) sobre o tema, relatou que esses metais presentes no material escolar também afetam o sistema nervoso.

 

Crianças têm contato o lápis colorido, não faz mal?

Dutra lembra que muitas pessoas acham que usar lápis de cor na pele não faz mal porque as crianças colocam os materiais na boca e, por isso, ele não pode trazer riscos.

No entanto, ela explica que, nesse caso, o uso não é continuo como acontece em que usa o lápis como maquiagem, já que pessoa fica quase o dia todo com a substância em contato com a pele.

O oftalmologista Alfonso Nomura aponta que usar lápis de cor perto dos olhos pode causar alguns danos pelo fato do material ser uma química não própria para os olhos.

“Ele pode gerar algum processo irritativo na conjuntiva (parte branca do olho), até mesmo um processo inflamatório como blefarite porque esse lápis não foi feito pra ser passado na região periocular”, alerta.

Segundo o Dr. Alfonso Nomura, blefarite é um inflamação nas pálpebras mais acentuada, podendo causar ardência na região em questão, coceira, queimação e embaçamento nos olhos.

Ele também lembra da possibilidade do trauma ocular, dependendo da maneira que o indivíduo passa a ponta do lápis perto do olho.

“O lápis de cor, normalmente não tem aquela ponta mais redonda ideal para não machucar a pálpebra e o conjuntivo”, explica Alfonso.

A dermatologista lembra que até mesmo as linhas de maquiagem, que são produtos específicos para pele e mucosa podem causar alergias. E reitera a importância de usar produtos hipoalergênicos. Para ela, nesse caso, a economia não vale a pena.

“Eu acho que a gente tem uma gama muito grande de maquiagens boas aprovadas para uso. Tem muita coisa acessível hoje que não vai causar causar risco à saúde”, salienta a profissional.

Em uma pesquisa rápida no varejo online, é possível encontrar lápis delineador colorido dermatologicamente testado e aprovado por R$5,00.

Vale dizer também que algumas dessas influenciadoras que já testaram e aprovaram a técnica, estão fazendo o mesmo alerta: não façam isso em casa, meninaix.

 

Sobre os profissionais: 

Dra. Anelise Dutra é médica dermatologista, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia. É sócia da Dermatologia Unique, clínica especialista em tratamentos para a pele.

Dr. Alfonso Nomura é médico oftalmologista. Já atuou no setor de catarata e retina. Hoje, é CEO da Alpha Diagnose Oftalmologia, centro médico especializado em saúde ocular.

Marcela Briglia Franco
Jornalista em formação tentando desvendar as mil e uma novidades que surgem no mundo da internet diariamente.

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui