• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Vai, planeta!

Jamais deixe o seu cachorro correr de você (ou ele pode se acidentar)

Brincar de ‘pega pega’ pode representar um grande perigo ao animal, em momentos de risco.

Jessica Alves Publicado: 29/09/2021 10:18 | Atualizado: 29/09/2021 10:56

Brincar de pega pega é muito comum entre os pets e os tutores. Apesar de parecer inofensiva, essa atividade pode ser um grande perigo para os cãezinhos, precisamos ficar alertas. Entenda a seguir.

 

Quem não gosta de ver o seu cachorro correr, brincando e feliz? Vamos combinar que é muito prazeroso ver nossos amigos pulando, correndo e se divertindo muito, com direito a língua para fora. Sem dúvidas, eles amam esses momentos!

Geralmente, a maneira fácil de fazer um peludo gastar energia é fingir que está correndo atrás dele. Assim, é comum o cachorro correr, fugindo do dono. Mas, de acordo com o adestrador Juliano Sanchez, que comanda o canal Dogs Demais no YouTube, isso passa um ensinamento arriscado para os bichinhos.

“Na verdade, ver o cachorro correr ensina que ele fuja de você. E se em algum momento, de repente, ele estiver na rua ou escapar, e você for tentar pegá-lo, ele fugirá. Porque vai achar que é a brincadeira que você já fez dentro de casa”, explicou Sanches, em seu pefil no Tik Tok.

Com isso, o risco de acidentes são reais, especialmente se ele correr para uma rua movimentada, por exemplo. Portanto, todo cuidado é pouco!

Apesar de muitas vezes os cachorros entenderem o que falamos, nessa situação eles não têm uma linha de raciocínio como a nossa, como explicou adestradora Ingred Rose, de Belo Horizonte (MG) ao Almanaque SOS. Para aprender algo, eles fazem associações, como por exemplo a nossa reação quando ocorre um determinado comportamento deles.

“Se o cão entender que sempre que estiver correndo seu tutor irá atrás, terá o mesmo comportamento quando estiver em um momento de perigo. Por exemplo, quando a guia ou coleira soltarem em uma avenida movimentada ou perto de um cão agressivo”, destacou.

 

Qual a maneira correta de brincar com o cachorro?

A maneira mais fácil de brincar de pega pega para o cachorro correr com segurança é, segundo Sanchez, reverter a situação. Assim, experimente correr dele ao invés de ir atrás do doguinho.

Porque, assim, vai estimular que ele corra até você. E quando ele chegar perto, use brinquedos e carinho para deixar o seu pet feliz!

“Se o seu cão está acostumado a brincar de fugir e você quer fazê-lo parar, você deve condicionar uma resposta contrária a que ele têm a sua corrida. Treine em locais seguros sair correndo e em seguida abaixe, chamando-o e recompensando com o que ele mais gosta, seja carinho, elogios ou petisco”, reforçou Ingred.

Segundo a adestradora, é necessário repetir isso várias vezes e ter paciência se no começo. Se ele não vier, ignore completamente o ato dele correr de você. Isso fará com que ele entenda que essa brincadeira não te chama mais atenção.

Adestradora Ingred Rose compartilha dicas de brincadeiras

 

Dicas para ensinar o doguinho a buscar objetos

Ingred Rose reforçou que substituir a brincadeira de pega pega pode ser outra opção. Portanto, opte por atividades ao ar livre de buscar e trazer, como as bolinhas, frisbee – brinquedo em formato de disco que voa – ou algum brinquedo que o cão goste muito e consiga carregar.

“Essas brincadeiras podem ser feitas com uma guia longa, – de 5 ou 10 metros – no caso de pessoas que não tenham um local seguro para brincar ao ar livre.

Em casa, as melhores brincadeiras são as de caça ao tesouro, como por exemplo colocar ração ou petisco em locais escondidos. Isso faz o pet gastar energia farejando ou dar brinquedos recheados com frutas que ele possa comer”, ensinou a adestradora.

Mas e se o meu cachorro não tem o costume de devolver o brinquedo?

Se esta é a sua realidade, não se preocupe! Ingred compartilha algumas dicas:

  • Pegue uma folha de papel e coloque um pedaço bem pequeno de petisco que ele adore e amasse em formato de bolinha.
  • Lance a bolinha perto de você, ainda dentro de casa.
  • Quando seu pet colocar a boca com intuito de tentar tirar o petisco cheiroso de dentro, você o parabeniza com “muito bem”.
  • Depois, mostre outro petisco maior pertinho do seu nariz, oferecendo fazer a troca para soltar a bolinha.
  • Repita isso várias vezes dizendo o comando “solta” na hora da troca.

Ao fazer isso, chegará um momento em que ele vai associar a palavra com o ato e começará a soltar sob comando. Se quiser ir além e pedir para ele te entregar, peça o comando “solta” com a mão abaixo da bolinha, dê muitos elogios e petiscos quando ele acertar.

Mas para isso, é muito importante ser paciente, elogiando também comportamentos próximos do que você deseja e não somente os perfeitos.

Com essas dicas, os momentos de brincadeira com o seu cachorrinho se tornam um ato seguro e delicioso, que fortalece ainda mais o elo entre o tutor e seu pet. Então, divirtam-se!

Fonte(s): TikTok, Pet Anjo, Blog Petiko, Clube Para Cachorros
Jessica Alves
Jornalista do Norte que se aventura na terra do pão de queijo, Belo Horizonte. Ama gatos e cães, é apaixonada por rock, cinema, anime antigo e cultura pop. Descobriu nas palavras o grande amor e sua fonte de renda.
tags: animais , cachorro , correr

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui