• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Comes & Bebes

chevron_left
chevron_right

“Tem gosto de porco”: a Jaca pode acabar com a fome do mundo, defendem especialistas

Fácil de produzir, é extremante versátil e ultra nutritiva.

De acordo com o relatório desenvolvido pela The State of Food Security and Nutrition in the World (“O Estado da Segurança Alimentar e Nutrição no Mundo“, em tradução livre), cerca de 815 milhões de pessoas passam fome no mundo hoje.

Especialistas e a mídia internacional vem difundindo uma boa maneira de reduzir esse número consideravelmente, através de uma fruta muito conhecida pelos brasileiros: a jaca!

De acordo com o Business Insider, colocar na fruta essa responsabilidade é bastante pertinente já que os benefícios trazidos por uma jaqueira vão muito além do consumo simples de seus frutos.

Nativa do sul e sudeste da Ásia, o fruto popular no Brasil e pouco conhecido nos Estados Unidos é rico vitamina C, fibras, proteínas e minerais como cálcio, ferro, cobre, fósforo e muito mais.

Para Nyree Zerega, bióloga de plantas no Chicago Botanic Garden, que estudou a diversidade genética das árvores de jaca em Bangladesh, além do alimento, a planta oferece outros benefícios.

A folhagem das árvores pode ser uma fonte de alimento para cabras e outros animais da fazenda, a casca solta um pigmento alaranjado que pode ser usado como tintura para roupas e a madeira, que pode ser comercializada, ainda produz um tipo de látex para ser utilizado como cola.

Mas e a fome, mata como?

A versatilidade da jaca é o que vem mais chamando a atenção dos gringos. Diferente de outras frutas, ela pode ser consumida de muitas maneiras, nos mais variados pratos.

Poder ser consumida fresca, quando o fruto está maduro, oferecendo uma textura macia e um sabor delicioso, só que nesse caso o cheiro forte pode tirar o apetite de algumas pessoas. Mas quando ainda está verde ela não tem o mesmo odor, e é justamente nesse estágio que encontramos as mais variadas opções de consumo.

De acordo com Zerega, em Bangladesh se faz sucos, sorvetes, farinha de fermento, “batata” frita e depois do cozimento e bem temperadinha, ela fica semelhante a carne de porco ou de frango, sendo possível preparar um verdadeiro banquete para uma família toda, utilizando apenas uma fruta, que pode chegar ao peso de 40 quilos.

Tipos de preparações diferentes feita com a jaca em Bangladesh

Recentemente, esse amplo leque de opções de refeição utilizando a jaca começaram a despontar no cenário estadunidense, provavelmente devido a preocupação com a saúde e a onda vegetariana/vegana que vem se espelhando pelo mundo.

Para os brasileiros essas qualidades da fruta estão sendo difundidas há algum tempo. Inclusive uma versão da “coxinha de frango” feita com jaca virou tendência. Até já ensinamos a receitinha aqui – é uma delícia!

Devido a todas essas propriedades e seu fácil cultivo, a fruta, que pode até assustar devido ao seu cheirinho estranho ou sua aparência pré-histórica, está ganhando notoriedade global como uma possível solução contra a fome no mundo, sendo conhecida em alguns países asiáticos como “árvore de arroz”.

Ignorância e preconceito

Porém, mesmo com os olhos do mundo todo voltados para esse alimento, a Índia tem sua população devastada pela fome. Considerada como o “berço” dessa exótica fruta, descarta cerca de 75% da produção de jaca.

Esse desperdício se deve ao fato da fruta não ser muito saborosa se não for consumida em poucos dias após a colheita ou conservada da maneira adequada. Além disso, de acordo com Zerega, a jaca tem uma má reputação na região pois é considerada um alimento unicamente para pobres devido a fartura de suas árvores, que podem ser encontradas em quase todos os cantos do país.

Para tentar mudar esse panorama, Shree Padre, editor de uma revista indiana, tem organizado festivais de culinária focada apenas na jaca, além de publicar artigos revelando à população os benefícios da fruta tão popular na região.

De qualquer forma, tiremos a atenção da Índia e foquemos aqui no Brasil. Da mesma forma que o país asiático, mas em menores proporções, infelizmente a fome ainda está presente em lares de muitas famílias brasileiras, logo a versatilidade da jaca também poderia ser bastante útil por aqui, não acha?

Que tal embarcarmos na visão positiva dessa fruta popular e difundirmos ainda mais as propriedades e o leque de possibilidades para refeições tendo a jaca como ingrediente principal.

A solução para a fome e para a boa alimentação já existem e estão aí na natureza, só nos falta voltarmos os olhos à ela novamente.

Fonte(s): Business Insider, Independent, Happycow
Redação - Almanaque SOS
Desvendando o dia a dia. Acompanhe o SOS também pelo Facebook, Instagram e Twitter

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui