• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Comes & Bebes

chevron_left
chevron_right

Receita de Geleia de Maracujá com Pimenta: linda, gostosa e super fácil!

A experiência de sentir, pelo menos, 3 sabores de uma vez só: doce, azedo e apimentado.

Bruno Oliveira Publicado: 08/12/2022 09:08 | Atualizado: 08/12/2022 09:09

A criadora de conteúdo gastronomicos, Ju Mangini faz sucesso na internet ao ensinar receitas deliciosas diferentonas e com muito rock’n’roll. Desta vez, ela publicou um vídeo ensinando como fazer uma geleia caseira de pimenta, gengibre e maracujá, detalhe… utilizando a casca!

Como essa mistura parece ser uma delícia, ficou a dúvida: Será Que Funciona?

 

Teste: como fazer a geleia caseira de maracujá, pimenta e gengibre

O ingredientes que utilizamos em nosso teste foram os seguintes:

  • Polpa de 2 Maracujás maduros;

  • ½ casca de 1 Maracujá;

  • 100g de Açúcar Cristal;

  • Um pedaço de Gengibre;

  • 100ml de Água;

  • 3 Pimentas Dedo de Moça inteiras;

Com exceção do maracujá, da água e do açúcar, os demais ingredientes podem ser adicionados a gosto. Ou seja, fique à vontade para diminuir ou aumentar a quantidade dos demais ingredientes de acordo com seu gosto pessoal.

 

Aprenda a cortar o maracujá do “jeito certo”

Antes de mais nada, como o maracujá é um dos principais ingredientes desta receita, a autora também deu uma dica incrível sobre como cortar o maracujá sem desperdiçar nada e sem correr o risco de melecar tudo.

De acordo com a autora, ao invés de cortar ao meio, basta fazer um corte horizontal um pouco abaixo do talo da fruta, de maneira que a casca vire uma espécie de tampinha.

Dessa maneira você consegue remover toda a polpa sem desperdiçar nadinha e ainda pode aproveitar a casca como copo para um drink, contanto que ela ainda esteja fresca e limpa.

 

Passo a Passo

Após abrir a fruta, o primeiro passo foi colocar essa polpa do maracujá direto no liquidificador, simples assim. Com semente e tudo!

 

Agora sim, o pulo do gato: adicionamos meia casca da fruta. É ela quem vai ajudar a dar aquela consistência perfeita de geleia que a gente tanto ama. Explicaremos os detalhes mais a frente neste artigo. Vale dizer que tem quem prefira utilizar somente a parte branca, para evitar algum amargor.

 

Em seguida, adicionamos o açúcar, o gengibre ralado (com casca e tudo) e a água.

 

Feito isso, adicionamos também a pimenta, também com semente. Então, levamos para bater até triturar bem e obtermos uma consistência pastosa, mais próxima de uma geleia mesmo. E a mistura já fica lindíssima!

 

Na sequência, levamos a mistura para o fogo e mexemos sem parar até a geleia começar a soltar do fundo da panela, parecido com quando fazemos brigadeiro. Por fim, reservamos a geleia para que ela pudesse esfriar e ser degustada.

 

Resultado: A geleia caseira de maracujá com pimenta funciona?

Resposta rápida: sim!!! Principalmente para quem gosta de sabores mais complexos.

Primeiramente, precisamos afirmar categoricamente que a receita é simplesmente MARAVILHOSA! A complexidade no sabor, do azedo do maracujá, o doce do açúcar, a refrescância do gengibre e o apimentado da pimenta traz uma combinação para comer fechando os olhos.

São muitas camadas, cada segundo você sente algo diferente, é impressionante. E sem contar que a geleia em si é muito bonita; lembra até os quadros do Gustav Klimt.

Porém, caso você não seja muito fã de sabores muito exóticos, é possível que o resultado não agrade. Também vale reforçar que é possível ajustar alguns ingredientes de acordo com o seu gosto.

 

Para quê serve a casca do maracujá nesta receita?

Você pode ter achado estranho usar a casca do maracujá diretamente na receita, mas isso tem motivo. O uso da casca nesta receita se dá pela presença de uma substância muito importante para agregar a textura de gel à geleia.

Essa mistura é conhecida como pectina, como aponta o artigo publicado pela revista especializada FiB:

“As pectinas consistem em complexos de polissacarídeos estruturais presentes em vários tecidos vegetais, os quais fazem parte de uma variada classe de substâncias denominadas de pécticas. São amplamente utilizadas na indústria de alimentos, no preparo de geleias, doces de frutas, produtos de confeitaria e sucos de frutas, principalmente devido a sua capacidade de formar géis.”

Em suma, durante o preparo da geleia a substância é dissolvida e se mistura na receita, garantindo uma consistência mais gelatinosa, como é de se esperar de uma geleia, além de dispensar o uso de espessantes industrializados.

 

O que a galera achou desta dica

Alguns seguidores do Almanaque SOS compartilharam suas opiniões com a gente nas nossas redes sociais:

“Eu vou fazer, mas sem pimenta. Não posso pimenta porque tenho cálculo renal e não posso comer pimenta.”, conta Elis Oliveira em nosso TikTok.

“Ai gente, eu fiz com 3 pimentas como ele fala, 🔥🔥 impossível comer, até pra mim que amo pimenta forte.”, alerta Elaine Sena em nosso Instagram.

“Eu amo, faço aqui na minha casa de abacaxi com pimenta e fica maravilhoso pra comer com churrasco.”, sugere Isabel Lisboa em nossa página no Facebook.

“Já quero essa geleia, as duas coisas que eu gosto muito: pimenta e maracujá. Nunca imaginei os dois juntos.”, comemora Samara Volkoff em nosso canal no Youtube.

 

O que aprendemos com esta dica

  • A geleia de maracujá com pimenta dá certo, é uma delícia e muito bonita;
  • O resultado mistura sabores entre azedo, doce e apimentado;
  • Pode ser que a receita não agrade quem não gosta de sabores complexos;
  • A casca do maracujá tem uma substância essencial para firmar o ponto da geleia.

Se esta receita te deu inspiração para experimentar ainda mais na cozinha, confira nosso artigo te ensinando 23 sobremesas rápidas, fáceis e gostosas para impressionar a visita.

Fonte(s): Sci ELO, Ingredientes Online
Bruno Oliveira
Atleta virtual, jornalista, podcaster e gamer de esquerda nas horas vagas. Acredita piamente na capacidade do ser humano de ser melhor, sempre. Dog person e pernambucano, observa o mundo em camadas.

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui