• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Sinta-se Bem

Furo extra: para que serve o furinho do tênis que ninguém usa

Utilizando esse furo, você protege o seu tornozelo contra torções.

Bruno Oliveira Publicado: 10/10/2022 09:37 | Atualizado: 10/10/2022 09:37

Você já se perguntou para quê serve o furo extra do tênis? Apesar de não estar presente em todos os modelos, esse furo serve para amarrar o tênis de maneira mais segura e confortável. Vamos te ensinar o passo a passo para que você possa aproveitar ao máximo o potencial do seu calçado enquanto se cuida. Bora lá!

 

Furo extra dá firmeza ao pé

Antes de mais nada precisamos reforçar de qual furo estamos falando. Sendo assim, caso você não tenha percebido, alguns modelos de tênis tem um furo “a mais” que fica localizado na área próxima ao tornozelo. Aquele que geralmente fica de fora quando a gente aperta o laço.

 

Dito isso, primeiro vamos ao passo a passo e em seguida explicaremos o que muda na sua vida se você passar a usar esse furo do jeito certo.

  • O primeiro passo é calçar o seu tênis como de costume. Entretanto, antes de fechar o cadarço, ao invés de passar pelo penúltimo furo, passe-o pelo último, de dentro para fora.

 

  • Na sequência, passe o cadarço de fora para dentro pelo penúltimo furo. Ao fazer isso, lembre-se de deixar sobrar um pouco de cordão, mais ou menos na largura de um dedo.

 

  • Em seguida, use a ponta do cadarço que vem do lado oposto para passar por dentro desse espaço que você deixou, como na imagem.

 

  • Feito isso, agora é só amarrar o calçado como de costume.

 

Assim que você fechar o laço já deve perceber o tênis bem mais firme no pé.

 

Para quê serve o furo extra do tênis

Por mais que a sensação do tênis mais firme no pé já seja uma vantagem um tanto quanto óbvia, existem alguns detalhes por trás dessa facilidade que talvez você não tenha conhecimento.

Isso porque ter um tênis mais firme nos pés pode diminuir o atrito entre a pele e o calçado durante a prática de exercícios físicos ou esportes, como corrida, o que por sua vez também diminui as chances de desenvolver bolhas, rugas e calos durante a atividade.

Além disso, amarrar o cadarço dessa maneira prende o tênis ao calcanhar e ao tornozelo de maneira mais eficiente, diminuindo as chances de ocorrer acidentes como uma torção, por exemplo.

E não menos importante, pessoas que têm a formação do pé diferente também devem se aproveitar desse furo para ajustar o calçado à sua necessidade. Em suma, só tem vantagens!

 

O que a galera achou dessa dica

Embora não seja uma novidade para alguns, descobrir uma nova maneira de amarrar o cadarço pode ser revelador para outros. Confira o que os nossos seguidores compartilharam com a gente nas nossas redes sociais:

“Noooosa! Eu que vivo torcendo o pé, precisava muito dessa dica!”, conta Amanda Moreira em nosso Instagram.

“Depois de 46 anos finalmente entendi a utilidade. Excelente dica!”, disse Fabio Eide em nosso canal no Youtube.

“Quem corre já sabia dessa!”, explica Davi em nosso Tiktok.

Agora que você aprendeu a amarrar o cadarço, que tal dar um jeito naquele seu tênis que tá encardido alí no canto?! Confira o nosso artigo te ensinando como desencardir um tênis branco de um jeito fácil.

Fonte(s): TUDO BAHIA, Metrópoles, Manual do homem moderno
Bruno Oliveira
Atleta virtual, jornalista, podcaster e gamer de esquerda nas horas vagas. Acredita piamente na capacidade do ser humano de ser melhor, sempre. Dog person e pernambucano, observa o mundo em camadas.

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui