• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Sinta-se Bem

Finalmente: “Acordar cedo pode ser igual a tortura”, confirma a ciência

Trabalhar ou estudar antes das 9 horas pode ser uma ameaça à saúde pública.

Acordar cedo é o pesadelo de muita gente. Pesadelo esse, que somos obrigados a enfrentar, pelo menos cinco vezes na semana.

Agora venho lhe dar a notícia que você já sabia desde a época do colégio: acordar cedo demais não é tão bom como nossos professores (ou chefes) pensam. Pelo contrário, pode fazer mal.

O pesquisador Dr. Paul Kelley, da Universidade de Oxford, revelou durante o British Science, festival de ciência realizado na Inglaterra, que forçar as pessoas a trabalhar e estudar antes das 10 horas da manhã é equivalente à tortura, podendo causar doenças, estresse e exaustão.

Uma pesquisa, publicada no Nuffield Department of Clinical Neurosciences, afirma que antes dos 55 anos, o ritmo no dia a dia dos humanos é iniciado às 10h, então trabalhar ou estudar à partir das 9h pode causar grande ameaça ao humor e saúde mental.

A pesquisa realizada indica que crianças e adolescentes não estarão totalmente prontos para o aprendizado se acordarem antes das 8h30, com uma mudança de horário elas poderiam elevar seus resultados em cerca de 10%.

Isto se aplica também para prisões e hospitais. Eles acordam e dão comida as pessoas, mesmo se elas não querem. Eles ficam mais “dóceis”, porque devido ao sono, estão totalmente fora de si. A privação dele (sono) é uma tortura, afirmou Dr. Kelley.

E para os que costumam dormir tarde e acordar cedo, a pesquisa afirma que para nosso cérebro é basicamente como se estivéssemos bêbados.

sleepy-puppy-falls-asleep-on-babygif

Dr. Kelley acredita que esse seja um dos maiores motivos da nossa sociedade atualmente ser tão estressada. Segundo o especialista, é necessário fazer uma mudança global nos horários de trabalho e estudo, ajudando a sincronizar nossos relógios biológicos da forma “correta”.

Então já sabe, no próximo atraso no trabalho, mostre este texto pro seu chefe… tudo pela saúde, não é mesmo?

Fonte(s): The Mind Unleashead
Lucas Vinicius
Escriba digital, amante da sétima arte, ex-jogador compulsivo e meigo

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui