• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Atitude Coletiva

chevron_left
chevron_right

Alunos estão usando batom na escola por uma excelente causa

Caso aconteceu no Rio de Janeiro e vem dominando as redes sociais.

Dario C L Barbosa Publicado: 01/06/2017 16:06 | Atualizado: 01/06/2017 16:06

Os jovens são o futuro do país“. E se depender de alguns estudantes cariocas, já podemos visualizar o tamanho do amor que esta por vir.

Um colégio particular da cidade maravilhosa decidiu proibir um aluno de ir às aulas usando batom. O resultado? Uma campanha linda, cheia de empoderamento, engajamento e lábios coloridos.

Aluno do pré-vestibular em uma das unidades do Sistema Elite de Ensino, o estudante de 17 anos Diego Archanjo foi repreendido, com o irônico intuito de “evitar o preconceito”, pela coordenação da escola por estar usando batom. Incrédulo, Diego fez um desabafo no Twitter, o suficiente para centenas de estudantes pelo Brasil apoiarem o garoto.

Através da hashtag #BatomPodeHomofobiaNao um protesto virtual se deu início, onde diversos alunos, meninos e meninas, publicaram suas fotos e vídeos usando a maquiagem, criando uma manifestação linda em prol do amor, aceitação, respeito e, claro, um NÃO gigante à homofobia.

Porém, de acordo com a publicação de Diego em seu Facebook, ele nunca antes havia sofrido qualquer tipo de preconceito e acredita que até mesmo a coordenadora não agiu de má fé, estava apenas reproduzindo um discurso machista.

Em nota enviada ao jornal carioca O Dia, o colégio, que resolveu participar ativamente do manifesto nas redes sociais, alegou que tudo não passou de um mal entendido e comportamentos discriminatórios e homofóbicos não correspondem aos valores da instituição.

A manifestação, que teve seu início hoje e chegou a ser o segundo assunto mais comentado no Twitter, vem ganhando cada vez mais destaque da mídia, sendo compartilhada por grandes veículos e por grandes nomes, como o ativista e deputado Jean Wyllys.

Diego Archanjo

Alunos fazendo o protesto

Alunos de batom, como forma de protesto

Imagem produzida e compartilhada pelo colégio

Fonte(s): Catraca Livre, O Dia, Diego Archanjo - Facebook
Dario C L Barbosa
Fundador e editor do Almanaque SOS. Paulistano, formado em Comunicação Social, trocou os anos em redes de rádio e televisão pela internet em 2012. Vegetariano, meditante e ecossocialista na luta por consciência e equidade. ( Twitter - Instagram ).

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui