• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Setor Bugiganga

Empresa transforma cinzas de falecidos em Disco de Vinil

Pode colocar músicas favoritas, áudios da pessoa ou até do cachorrinho.

Dario C L Barbosa Publicado: 11/09/2017 13:19 | Atualizado: 11/09/2017 13:23

Se teu sonho sempre foi gravar um disco, talvez ele possa se realizar. E você nem precisa cantar bem, só necessita “bater as botas” mesmo.

Eis que uma nova forma de homenagear os entes queridos que já se foram vem se tornando uma tendência, a possibilidade de transformá-los em discos de vinil.

A empresa britânica, And Vinyly, é quem oferece esse curioso serviço aos seus clientes, incluir na composição convencional de um disco de vinil as cinzas de um parente querido ou até de um animal de estimação. Pode-se gravar no disco músicas exclusivas criadas para o vinil e áudios do falecido, caso a família e amigos tenha esse material e desejem compartilha-lo.

O vinil pode ser feito na cor preferida da pessoa, ter informações biográficas no encarte e ainda estampar uma imagem do homenageado. Segundo a BBC, apesar de soar meio macabro, a ideia tem sido bem recebida e quem já utilizou o serviço garante que é a melhor forma de manter a memória de alguém. Porém, a homenagem custa caro. Os valores variam entre R$3.600 até R$12.000.

E caso não tenha curtido muito esse tipo de “lembrancinha”, o “mercado da morte” como é conhecido este ramo, está à todo vapor. Atualmente já existem empresas que transformam as cinzas em vasos de cerâmica e até diamante.

Cinzas ficam visiveis mas não atrapalham a rotação do vinil.

Fonte(s): BBC, Dailymail
Dario C L Barbosa
Fundador e editor do Almanaque SOS. Paulistano, formado em Comunicação Social, trocou os anos em redes de rádio e televisão pela internet em 2012. Vegetariano, meditante e ecossocialista na luta por consciência e equidade. ( Twitter - Instagram ).

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui