• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Atitude Coletiva

chevron_left
chevron_right

Como fazer amizade no transporte público

Um dos melhores lugares para conhecer pessoas interessantes, basta tomar coragem.

Introvertidos e a batalha diária para pegar busão…

1265308060_graduate

Mas saiba você, caro leitor tímido, transporte público é um dos melhores lugares para conhecer pessoas interessantes. Pensando nisso, reunimos algumas dicas de interação para conseguir um amigo do peito ou, quem sabe, o amor da sua vida. Se liga!

 ***

1. Preste atenção no ambiente

Antes de sair falando com as pessoas, observe o clima do ambiente. Transporte lotado é estresse na certa, a não ser que esteja voltando dos bloquinhos de carnaval, portanto evite. Hora do rush, quando as pessoas estão voltando do trabalho, é um momento delicado, fazer amigos não é a melhor ideia. Muito cedo também não é indicado, afinal todo mundo está conversando com o sono, respeite isso. Aposte nos fins de semana ou no período da tarde.

tumblr_m31agtVHCL1qgcra2o1_500

– [gritando] 


2. Observe a linguagem corporal

Fique atento ao que o corpo da pessoa diz, se ela estiver virada para você é um bom sinal, pois está mais aberta a diálogo, se os olhares cruzarem, melhor ainda, ou mesmo um sorriso cordial. Em contrapartida, evite falar com aquelas que estão de braços cruzados, essas tendem estar fechadas para influências, segundo a cientista social Amy Cuddy (TED), o mesmo vale para quem está de cara amarrada ou olha o tempo inteiro no relógio, denotando pressa e impaciência.

Ursula_-_Best_quotes_GIFs_-_1

– E não subestime a importância da linguagem corporal!


3. Inicie um contato

Ainda na plataforma guarde a vergonha no bolso e tente desenrolar um assunto com quem deseja conhecer. Inclusive uma campanha publicitária no Rio Grande do Sul incentivou essa interação através da ação “Alimentando Amizades”, que distribuiu nos ônibus locais, adesivos de assentos preferenciais destinados à pessoas a fim de novas amizades, com sugestões de assuntos e tudo. Adoramos!!

dsdfdssdf


4. Assuntos que costumam funcionar

Pode começar falando amenidades, para sentir o interesse da pessoa, por exemplo sobre a demora do trem, ou mesmo aquele papo clichê sobre o tempo. Elogiar o estilo da pessoa costuma dar certo também, mas evite falar sobre características físicas, tem quem se ofenda. Mas o trunfo mesmo, que costuma render um papo mais longo, é “pedir informação”.

Por mais que saiba o caminho, pedir ajuda pra alguém como em qual ponto descer, ou para que lado fica o zoológico, ajuda bastante. Quem sabe se tiver sorte a pessoa está indo para o mesmo lugar.

PleaseCouldYouHelpMe

– Por favor, poderia me ajudar?


5. Não fale com quem usa fones de ouvido

Se a pessoa está no seu próprio mundinho, respeite. Não tem coisa mais chata do que estar ouvindo um som e outra pessoa ficar tagarelando ao fundo.

download

– Você está vendo isso? 


6. Tenha um livro em mãos

Excelente gatilho de conversa. Indique uma leitura, ou mesmo uma matéria, no caso de jornal, comente a reportagem do dia, isso funciona muito bem e você ainda paga de intelectual, só tome cuidado para não focar na ficção, esquecer da vida real e se arrepender depois.

slide_321105_3009295_free


7. Mantenha contato

Se o assunto rolar e o interesse em firmar amizade for confortável para as duas partes, é aquela hora de passar o Whatsapp, ou alguma rede social. Manter o contato pode render excelentes frutos.

871373

 – Vou ligar para cada garota do meu telefone até que alguém aceite transar comigo.


8. Mantenha a diplomacia

No caso das pessoas que não estão a fim de papo, inclusive as que são ríspidas, o melhor a se fazer é respeitar e ficar na sua, não piore a situação com um textão digno de facebook. Ninguém é obrigado a estar bem humorado.

tumblr_m8bjsesbfJ1qa6lp8

 

Fonte: approachanxietywikihow  | TED

Redação - Almanaque SOS
Sempre tem jeito. Acompanhe o SOS também pelo Facebook, Instagram e Twitter

Tá na rede!

Quero mais!

Veja mais artigos!

Em caso de chefe
clique aqui