• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Setor Bugiganga

Criaram um “soco-inglês” que transforma qualquer superfície em teclado

A precisão é de 99% e, segundo os criadores, basta 1 hora para aprender a usar perfeitamente.

Quem nunca levou uma celularzada na cara ao deixar o aparelho cair enquanto tentava digitar deitado, não sabe o que é se sentir burro.

Ran Poliakine, fundador da empresa de tecnologia Powermat Technologies, juntamente com a ex-engenheira da NASA Sabrina Kemeny e um outro engenheiro de tecnologia muito bem sucedido, David Shick, criaram a Tap Strap, que nada mais é que um “tecido inteligente” que ao se encaixar nos dedos (quase como um soco inglês), consegue traduzir 31 toques com os dedos em qualquer superfície, em palavras e símbolos.

Cada dedo corresponde a uma vogal e combinações de diferentes toques formam as outras letras e símbolos. Assim, você pode digitar “imaginariamente” em qualquer lugar que, via bluetooth, o texto é enviado direto para seu celular, computador ou outro dispositivo. A única desvantagem vista no aparelho é a necessidade de decorar essas combinações de toques, mas segundo o idealizador, isso não leva mais que uma hora – será?

O objetivo de Poliakine ainda é investir na criação de plataformas para serem usadas com a Tap Strap, como tocar instrumentos, realidades virtuais, e até no suporte a deficientes visuais, já que segundos o próprio, sua precisão é de 99% e pode ser uma grata alternativa aos sistemas de tecnologia que necessitariam de um teclado.

Infelizmente, o produto ainda não está no mercado, mas já teve sua versão para desenvolvedores disponibilizada, e até o seu lançamento, previsto para acontecer no final do ano, melhorias no design, como ajustar o acessório somente no pulso e não entre os dedos, podem ser realizadas.

Essa é a Tap. Com Tap, você pode digitar

 

Fonte(s): Tap, Bloomberg
Dario C L Barbosa
Fundador e editor do Almanaque SOS. Paulistano, formado em Comunicação Social, trocou os anos em redes de rádio e televisão pela internet em 2012. Vegano, meditante e ecossocialista na luta por consciência e equidade entre os seres. ( Twitter - Instagram ).

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui