• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Comes & Bebes

chevron_left
chevron_right

Dinamarqueses criam a primeira Cerveja feita com Urina humana

50 mil litros de urina foram coletados para a fabricação da bebida.

Se você achou que entre tantos tipos inusitados de cerveja, a de bacon era a mais diferentona, espere até dar um gole em uma brejinha feita com xixi.

Pois é. Uma cervejaria gringa resolveu usar litros e litros de urina para produzir a tão amada loirinha gelada.

Desenvolvida pela dinamarquesa Nørrebro Bryghus, a Pisner, um trocadilho com as palavras “piss“, que significa xixi e “pilsener“, um tipo de cerveja, na verdade não tem em sua composição resíduos humanos de verdade. A urina é usada unicamente para fertilizar os campos de cevada de malte, no lugar do estrume animal.

Ao todo foram usados cerca de 50 mil litros nos campos da empresa, resultando em 60 mil garrafas da Pisner. E de onde veio tanto xixi? A grande sacada da companhia foi coletar a “matéria-prima” dos mijões em um grande festival de rock da região, há dois anos. Esse conceito sustentável ganhou o nome de “beercycling“, “o ciclo da cerveja“.

A ideia de reciclar a urina foi tão bem vista que ganhou o apoio até dos governantes do país, pois diminui os impactos ambientes que os festivais estavam causam ao ambiente e ao sistema de esgoto. As cervejas serão vendidas nas lojas da Dinamarca e, claro, no festival que rolará em junho no país.

“Não desperdice seu xixi. Fazendas dinamarquesas pode transforma-la em cerveja de novo.”

Mijões dando sua contribuição, no festival de 2015.

Fonte(s): NY Daily News, Whiplash, Grub Street, Comendo com os Olhos
Redação - Almanaque SOS
Sempre tem jeito. Acompanhe o SOS também pelo Facebook, Instagram e Twitter

Tá na rede!

Quero mais!

Veja mais artigos!

Em caso de chefe
clique aqui