• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Sinta-se Bem

Carnaval em tempos de Coronavírus: ficar em casa ou é possível se proteger?

Com álcool gel na bolsinha, dá para curtir a vontade!

Carnaval chegando, muita folia, curtição… Mas nos noticiários o que se vê são mais e mais notícias sobre o novo Coronavírus – o vírus que surgiu na China, onde já infectou mais de 20 mil pessoas e levou mais de 420 à morte.

E então você pode estar se perguntando:

É seguro aproveitar o carnaval na rua?

E nós temos uma boa notícia:

Sim, é seguro!

Primeiro, é bom destacar que no Brasil, segundo o Ministério da Saúde, não existe (até o momento dessa publicação) nenhum caso confirmado de infecção pelo novo vírus – então não há que se falar em prevenção como nos países onde a ameaça é real e confirmada.

O infectologista Dr. Edimilson Migowsk esteve no quadro “Tô a fim de saber” do Domingão do Faustão no início de fevereiro e, quando questionado se os foliões podem curtir o carnaval sossegados, tranquilizou:

Não acho que as pessoas devam deixar de curtir o carnaval, mas é aquele negócio, né:

  • botar camisinha;

  • lavar bem as mãos;

  • evitar contato com pessoas com quadro respiratório.”

Ou seja, com álcool gel na bolsinha dá para curtir a vontade, só não é indicado sair beijando qualquer coleguinha. Migowsk pontuou, ainda, que o vírus de maneira geral têm mais dificuldade de se disseminar em temperaturas mais elevadas e que o verão “não é uma boa praia” para ele.

Com novo Coronavírus ou não, algumas medidas de proteção sempre podem ser tomadas. Afinal, ninguém quer ir aproveitar o Carnaval e voltar com uma gripe ou resfriado.

Ao Fantástico, Dr. Dráuzio Varella apresentou algumas maneiras eficazes de se proteger:

  • Lave regularmente as mãos com água e sabão (lembrar de lavar bem os dedos e o dorso da mão);

  • Se não houver água e sabão, higienize as mãos com álcool – leva álcool pro bloquinho;

  • Quando tossir, cubra a boca e o nariz com um lenço ou o braço;

  • Use lenço descartável para assoar o nariz;

  • Evite ficar levando a mão aos olhos, nariz e boca;

  • Em casa, mantenha os ambientes bem ventilados.

E não dá para esquecer: use camisinha. SEMPRE!

Fonte(s): GShow, O Globo, Veja
Daiane Oliveira
Jornalista, feminista e mãe. Discute religião, política, sexo e hábitos sustentáveis. Não discute futebol porque não entende. Quem sabe um dia.

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui