• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Faz Tudo

chevron_left
chevron_right

Achou o imóvel dos seus sonhos? Vistorie corretamente e evite roubadas

Um detalhe muito importante que passa batido e pode ferrar a sua vida no novo lar doce lar.

Andréia Gomes Publicado: 29/01/2014 12:13 | Atualizado: 14/09/2014 12:07

 

Tem quem se anime em mudar de casa, tem quem odeie a mudança. Seja pela euforia da situação ou pelo estresse experimentado no processo, tem um detalhe muito importante que costuma passar “batido” e que pode “ferrar” a sua vida no novo “lar doce lar”: A vistoria pré-mudança.

12-101222110A10-L

(news.we54)

O que é isso?

O nome é chato, mas o processo é simples e pode te evitar grandes roubadas como, por exemplo, depois de algum tempo começar a achar “caminhos” de formiga por todos os lados, conviver com o mofo dentro do quarto, ou passar a noite ouvindo uma janela que fica batendo com vento. Mas o maior risco de não fazer a vistoria pré-mudança, é ter que assumir o prejuízo de eventuais danos ao imóvel, na ocasião do encerramento do contrato.

fail casa nova alugada

Então, quando for conhecer o local, já leve papel e caneta para fazer a vistoria, assim, se você quiser fechar negócio já pode incluir suas observações na negociação com a imobiliária ou com o proprietário.

O que observar:

  • Se os cômodos têm portas e janelas (com seus respectivos batentes, dobradiças, vidros, travas e fechaduras com chaves) funcionando em perfeito estado. O mesmo se aplica aos portões;
  • Se o imóvel têm todos os ralos, chuveiro, box, tanque, torneiras (elétricas ou não) e registros de água instalados e funcionando perfeitamente;
  • Se há aquecedor central ou local e ar condicionado, e se estão funcionando em perfeito condições;
  • Se a fiação está aparente e se a caixa de luz está funcionando perfeitamente. Se for uma casa, vale anotar também se os relógios de água, luz e gás estão instalados e funcionando corretamente;
  • Se todas as tomadas e interruptores têm “espelhinho” e se estão funcionando perfeitamente;
  • Se há lâmpadas, lustres, espelhos, prateleiras, móveis planejados e varal fixo instalados. Anote a quantidade e o tipo, por exemplo: guarda-roupas com duas portas de correr no quarto, e se há algum dano neles;
  • Se há sinais de infiltração, vazamentos ou pragas no imóvel;
  • Se as paredes, azulejos e pisos têm manchas, furos ou se estão descascando. Se há alguns desses itens faltando;
  • Se há controle remoto e interfone instalados, e se estão funcionando perfeitamente;
  • Se houver mobília, anote todos os itens, mencionando quantidade, marca e estado de conservação de cada um;
  • Se todas as contas de consumo (água, luz, telefone, internet, TV a cabo e condomínio) estão regularizadas e em dia;
  • Se o muro ou calçada estão danificados;
  • Também vale dar uma olhadinha se você encontra sinais de pragas no imóvel.

Tudo anotado, mande as suas observações para o responsável pelo imóvel e exija que uma via impressa desse laudo seja incluída no contrato, para ser assinada por ambas as partes.

 

No Viva Decora, você encontra outras dicas para “Morar Bem”.

 

Apoio

viva_decora_logo

 

Andréia Gomes
Curiosa, amante das letras, solucionadora criativa. Publicitária, Especialista em Marketing e Gestora de Projetos de Comunicação em ambientes digitais. Acredita que o lugar onde moramos pode e deve ter a nossa personalidade nos pequenos detalhes, e que colocar impressões da sua alma é sempre fundamental. Editora-chefe do site Viva Decora .

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui