• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Sinta-se Bem

A polêmica sobre o ‘Shampoo Bomba’: funciona ou não?

Promete potencializar o crescimento do cabelo – será? Veja o que dizem especialistas e usuárias.

Se você não é a Rapunzel, provavelmente algum dia já desejou que seu cabelo crescesse mais rápido. E aí nasceu o ‘Shampoo Bomba’.

A receita caseira vem enlouquecendo a mulherada que sonha em ter os cabelos compridos. Com a promessa de acelerar o crescimento dos fios em até três vezes mais que o normal, o “Shampoo Bomba” ganhou espaço na internet e viralizou em tutoriais no Youtube, dicas em blogs, grupos no Facebook e hashtags no Instagram.

Palavra de especialista

A mistura, composta por um shampoo sem sal de 100 ml, mais 1 ml de Bepantol líquido e 1 ml de uma substância chamada Monovin A, composto veterinário injetado em animais com deficiência de vitamina A, está sendo considerada uma “propaganda enganosa” pelos especialistas de pele e cabelo, e ainda pode trazer sérios danos à saúde das usuárias.

shampoobomba_sososlteiros cópia

De acordo com o Dr. José Rogério Régis, coordenador do departamento de cabelos e unhas da Sociedade Brasileira de Dermatologia, não existe um estudo científico que comprove a eficácia do shampoo. Para ele, uma vez que o Monovin A é injetado nos animais para alcançar a camada mais profunda da pele, não faz sentido que ele seja apenas massageado no couro cabeludo dos humanos e ocasione o crescimento dos fios.

“O Monovin é a vitamina A pura, oleosa e em alta concentração. Ao contrário do que o Shampoo Bomba promete, ele faz com que o tempo de crescimento, repouso e queda dos fios aconteça mais rapidamente, devido a esse excesso de oleosidade”, explicou Régis.

E quem usou?

A assistente executiva Karen Regina, de 29 anos, começou a usar a mistura em maio deste ano – durante duas vezes por semana – e agora está dando uma pausa de um mês. Ela afirma, que apesar do seu cabelo ainda não ter crescido como gostaria, é possível sentir o resultado do produto já na primeira aplicação.

“Tenho o cabelo liso e bem fino. Assim que usei o Shampoo Bomba senti ele mais forte e levemente mais grosso. Também senti que a queda dos fios diminuiu um pouco”. Disse também que antes de usar o produto fez uma pesquisa na internet, “Li artigos e vi muitos vídeos no Youtube e blogs que diziam que o crescimento dos fios chegaria de 4 a 8 cm em menos de dois meses”.

antesdepois_shampoo_sososlteiros

Imagem reprodução: Horadediva

Sem chororô!

Para a professora Maria Valéria Robles Velasco, responsável pela disciplina de Cosmetologia do departamento de Farmácia da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da USP, o cabelo tem crescimento fixo de um 1,5 cm  por mês, e nenhum shampoo tem a finalidade de acelerar esse processo. Segundo a profissional, é importante que as mulheres procurem um médico para descobrirem o porquê de seus cabelos não estarem crescendo.

“Shampoo, seja ele qual for, serve apenas para deixar os cabelos limpos. Quem aplica o Shampoo Bomba precisa saber que o Monovin A não é aprovado pela ANVISA para uso humano, ou seja, caso ocorra algum problema com a usuária, essa não terá nenhum respaldo”, avisou.

O barato pode sair caro

A estudante de Relações Internacionais, Talita Vital Ribeiro, de 19 anos, usa a mistura há um ano e seis meses e revela que seu cabelo cresceu muito com o uso do produto. Sem sentir aumento na queda dos fios, ela chama a atenção para a diferença entre o preço do Shampoo Bomba e de medicamentos manipulados indicados por dermatologistas para fortalecer o cabelo.

“Paguei cerca de R$ 30,00 no Monovin A que eu comprei no PetShop. Na minha opinião, os medicamentos indicados pelos profissionais não resolvem nada e são extremamente caros”. Segundo apuração, fazer um medicamento em farmácia custa, em média, R$ 150,00.

Para as mulheres que estão optando por utilizar o Shampoo Bomba, o Dr. Régis chama a atenção para a lavagem correta dos fios, pois segundo ele, se a usuária não retirar todo resíduo do produto do couro cabeludo e entrar em contato com o sol, por exemplo, o Monovin A pode causar uma reação alérgica com vermelhidão e coceira.

“O couro cabeludo é uma das áreas mais vascularizadas do corpo e pode absorver os resíduos do produto. É difícil de acontecer, mas em casos mais graves as mulheres podem ter enjoos, fraqueza, visão turva, problemas no fígado e até hepatite”, relatou.

coceira_sososterios

Hanova

O fato é que as meninas que usam o produto apontam um resultado positivo, mesmo tendo o alerta dos profissionais e especialistas sobre os efeitos nocivos que esse shampoo pode causar.

Fica a reflexão: será que vale a pena colocar a saúde em risco por conta de alguns centímetros a mais de cabelo?

 

Camila Cechinel
Jornalista, libriana e apaixonada. Chorona e desastrada por natureza. Divertida na mesma proporção. Trabalhou como estagiária na Editora Globo durante um ano e foi redatora de entretenimento no Jovem Pan Online. Sempre indecisa, ainda tem dúvidas se escolheu a profissão certa.

Tá na rede!

Quero mais!

Veja mais artigos!

Em caso de chefe
clique aqui