• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Setor Bugiganga

A internet não está sabendo lidar com o novo computador da Microsoft

O primeiro concorrente do iMac feito pela empresa de Bill Gates impressionou todo mundo.

Dario C L Barbosa Publicado: 27/10/2016 15:34 | Atualizado: 27/10/2016 16:11

Se teu computadorzinho velho já não está aguentando nem brincar de fazer arte abstrata no Paint, talvez essa novidade da Microsoft vai ganhar seu coração.

A empresa anunciou recentemente o lançamento de seu primeiro all-in-one (quando o monitor é o próprio HD), um computador que se transforma em uma mesa digitalizadora repleta de recursos incríveis.

A galera não poupou comentários.

“O mundo dá voltas, não é mesmo, queridinho?” – Gates, Bill.

Um porta amendoim também seria um belo diferencial, hein?

Conhecido como Surface Studio, o computador veio para concorrer diretamente com o iMac, da Apple. Com design minimalista e uma tela ajustável de 28 polegadas com 13,5 milhões de pixels, a máquina oferece, por exemplo, a ferramenta “True Scale”, que possibilita a visualização de imagens em tamanho real!

Outro recurso que chama a atenção é o Surface Dial, um dispositivo que ao ser fixado na tela (que é touchscreen), cria um seletor para diversos aplicativos do computador, tornando essa função muito mais prática e precisa.

Porém, apesar de todos esses recursos e de contar com um hardware de ponta, o produto decepciona no quesito portas, não há entradas thunderbolt, USB-C e HDMI.

Mas quem liga pra isso quando a gente só quer saber uma coisa: quanto custa?

A única verdade que pode machucar mais que uma mentira.

De quantos rins se faz uma tecnologia de ponta?

Ainda não há previsão de quando o Surface Studio vem ao Brasil. As pré-vendas já começaram a rolar nos “estates” a partir de U$3.000, cerca de R$9.400, aqui.

Embrulha uns três desse para viagem, por favor?

Veja a apresentação (em inglês):

Fonte(s): Techtudo, Tecmundo
Dario C L Barbosa
Fundador e editor do Almanaque SOS. Paulistano, formado em Comunicação Social, trocou os anos em redes de rádio e televisão pela internet em 2012. Vegetariano, meditante e ecossocialista na luta por consciência e equidade. ( Twitter - Instagram ).

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui