• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato

Sinta-se Bem

8 Mitos e Verdades sobre queda de cabelo masculino (calvície)

A calvície masculina tem causas genéticas, mas também pode ser influenciada por hábitos.

Dario C L Barbosa Publicado: 04/12/2019 11:39 | Atualizado: 04/12/2019 11:53

A queda de cabelo é um problema que assusta muitos homens, em todas as idades. Entender o que afeta ou não a saúde capilar é fundamental para se ter uma rotina de cuidados mais eficaz.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia, aproximadamente 80% dos homens com mais de 80 anos têm calvície, mas o problema pode afetar pessoas mais novas, incluindo as mulheres.

Para se aprofundar um pouco mais nesse assunto, montamos uma lista com mitos e verdades sobre a queda de cabelo em homens e algumas dicas para cuidar melhor dos seus fios, com revisão do dermatologista Dr. Nilton de Avila Reis. Veja!

 

1. “Raspar o cabelo para incentivar o crescimento”

Mito. Provavelmente você já ouviu falar que se cortar os fios com frequência vai reduzir a queda de cabelo e os fios vão voltar a crescer. No entanto, isso não passa de mais um dos mitos difundidos sobre o tema.

Raspar os cabelos não afeta o desenvolvimento do folículo, que é o responsável pelo crescimento capilar. O mesmo vale para as mulheres que falam em “cortar as pontas” para incentivar o crescimento dos fios.

 

2. “Calvície é genética”

Verdade. Cerca de 70% dos casos de calvície em homens ocorrem devido aos fatores genéticos. Chamada de alopecia androgenética, a calvície se desenvolve a partir da adolescência, podendo ter seus primeiros sintomas percebidos mais tardiamente. O processo ocorre principalmente nas entradas, topete e topo da cabeça.

 

3. “Lavar os cabelos todos os dias é prejudicial”

Mito. Não é incomum ouvir a recomendação de não lavar os fios com muita frequência, pois as substâncias químicas presentes no xampu são prejudiciais ao couro cabeludo. No entanto, essa afirmação não é respaldada em nenhum estudo e os especialistas afirmam que se trata apenas de mais um mito.

A recomendação é que os fios sejam lavados todos os dias ou ao menos a cada dois dias, o que depende também do tipo de cabelo. Caso ele seja mais seco é possível ter intervalos maiores, mas se o couro cabeludo for oleoso, ele deverá ser lavado todos os dias para retirar a excesso de oleosidade que predispõe a inflamações do couro.

 

4. “Lavagem mal feita pode causar queda”

Verdade. A lavagem inadequada não causa a queda diretamente, mas pode favorecê-la. Isso porque ao não lavar o couro com a frequência correta ou não usar xampus adequados, há uma maior chance de desenvolver dermatite e caspa, o que pode favorecer a queda.

 

5. “Uso contínuo de bonés provoca calvície”

Pode acontecer. O uso frequente do boné pode favorecer a proliferação de fungos, agravando problemas como a dermatite seborreica ou caspa. Mas no geral trata-se de um mito a afirmação popular de que quem usa muito boné vai ficar calvo.

O boné basicamente não causa calvície. No entanto, o uso contínuo do boné muito apertado pode causar trauma ao couro cabeludo, comprometendo o fio. Em casos extremos, a pressão exercida pode causar perda do cabelo na área de contato com o boné.

 

6. “Os esteróides aceleram a queda de cabelo”

Verdade. Os anabolizantes podem causar queda de cabelo, principalmente em pessoas predispostas geneticamente. Por aumentar os níveis do hormônio masculino testosterona, os esteróides podem também agravar quadros de alopecia androgenética. Dessa forma, o uso de esteroides deve sempre ser evitado, a menos que prescrito pelo médico para um tratamento específico.

 

7. “Uso do gel causa queda”

Pode acontecer. O uso do gel, assim como de outros produtos apenas no comprimento dos fios não afeta os folículos, de forma que não é associado à queda de cabelo. Entretanto, se usado de forma incorreta, o gel pode agravar quadros de caspa e seborreia.

 

8. “A alimentação influencia a saúde capilar”

Verdade. Uma alimentação saudável está diretamente relacionada à saúde dos fios e prevenção da queda de cabelo. A dieta deve incluir proteínas, vitaminas e minerais.

Esses nutrientes estão presentes em alimentos como carnes, ovos, cereais integrais, frutas, vegetais verdes escuros, salmão, nozes e castanhas. Caso a alimentação não seja suficiente, alguns suplementos nutricionais podem ser recomendados pelo dermatologista após avaliação do quadro específico.

 

Conhecer os mitos e verdades em torno da calvície masculina é fundamental para adotar cuidados específicos com os cabelos que reduzem a queda ao deixar os fios mais saudáveis.

Caso identifique uma queda acentuada, procure um especialista!

*artigo desenvolvido por Beatriz Souza.

Dario C L Barbosa
Fundador e editor do Almanaque SOS. Paulistano, formado em Comunicação Social, trocou os anos em redes de rádio e televisão pela internet em 2012. Vegetariano, meditante e ecossocialista na luta por consciência e equidade. ( Twitter - Instagram ).

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui