• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Setor Bugiganga

Plataforma brasileira cria soluções divertidas para ansiedade, raiva, tristeza e mais!

Para controlar a insônia e até a preguiça, basta seguir esses passos.

Naqueles momentos em que nos sentimos sufocados por sentimentos e sensações angustiantes como ansiedade, raiva e até preguiça, acredite, a internet pode ser a esperança.

A empresa brasileira Eurekka, que mistura tecnologia com psicologia, desenvolveu 5 plataformas que prometem amenizar pelo menos alguns probleminhas da nossa vida.

ANSIEDADE: Para quem sofre com ansiedade, a plataforma Desacelera propõe alguns exercícios simples de respiração e jogos mentais que, segundo os idealizadores, são capazes de “baixar a nossa bola” em alguns minutos. Clique aqui para acessar.

Desacelera

INSÔNIA: Contra a temida insônia, foi desenvolvido o Durmazen, com dinâmica em tópicos como “a luz está apagada“, “o celular está no silencioso” para serem seguidos pelo visitante e por fim, um vídeo de relaxamento guiado, específico para este distúrbio. Clique aqui para acessar.

Durmazen

PREGUIÇA: Se é a preguiça que anda fazendo um estrago na sua vida, o FuiLáeFiz apresenta o passo a passo para facilitar a conclusão de alguma tarefa, além de uma outra técnica de produtividade, que até já ensinamos aqui. Clique aqui para acessar.

FuiLáeFiz

TRISTEZA: Se de pensar em realizar tarefas você já ficou triste e desanimado, o Radiante te ajuda a sair dessa com exercícios simples e um videozinho bem fofo. Clique aqui para acessar.

Radiante

RAIVA: No NãoEsquenta, para os nervosinhos e raivosos, rola alguns passos para serem seguidos rumo à calmaria, porém, o site está com um errinho no quarto passo. Enquanto eles não arrumam, podemos seguir o conselho popular e irmos pescar, que tal? Clique aqui para acessar.

NãoEsquenta

Todas as plataformas estão disponíveis apenas para uso na web, ou seja, ainda não existem aplicativos para download.

Tecnologia, sua linda!

Redação - Almanaque SOS
Sempre tem jeito. Acompanhe o SOS também pelo Facebook, Instagram e Twitter

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui