• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Atitude Coletiva

chevron_left
chevron_right

15 Passos para praticar Meditação Mindfulness no trabalho

A prática pode ser uma grande solução para evitar momentos de tensão.

Quem nunca passou por picos de estresse absurdos dentro da firma, onde a única vontade era voltar para casa e chorar debaixo do chuveiro?

Tamanho estresse e sofrimento é mesmo necessário no mundo corporativo? Não, não é. E mais uma vez, a meditação pode ser a maneira ideal de deixar seu dia-a-dia no trampo menos estressante e nocivo à sua saúde, além de mais produtivo.

De acordo com o mestre budista Thich Nhat Hanh, nomeado para o Prêmio Nobel da Paz por Martin Luther King, e considerado o pai da meditação mindufulness no Ocidente, toda essa frustração, estresse, irritabilidade que muitas pessoas sentem quando chegam ao trabalho, se deve a nossa fixação por reconhecimento, dinheiro, coisas, etc.

O monge vietnamita diz que na nossa vida aprendemos que devemos nos esforçar, trabalhar com afinco, para então alcançarmos nosso lugar ao sol. Porém, o que ninguém fala é que, quando chegarmos lá, se é que chegaremos, a luta não termina.

O esforço continuará, porém com um novo objetivo: manter-se nesse lugar tão privilegiado. Essa batalha sem fim, movida pela fixação disfarçada em “desejo de um futuro melhor”, acaba nos atingindo em cheio, podendo nos levar à autodestruição e até à destruição do nosso planeta.

Para Thich Nhat Hanh,  a solução para isso é substituir essa nossa fixação por bens materiais, riqueza, competição, etc., por três poderes da filosofia budista: compreensão, amor e “deixe acontecer”.

E é na aplicação dessa poderosa substituição que a meditação poderá te ajudar.

A Atenção Plena

A Atenção Plena, ou em inglês, mindfulness, é um tipo de meditação que te leva para um estado mental onde seu foco absoluto é feito apenas no presente. Ao meditar, você não precisa seguir aquela velha sugestão de “apague tudo o que tem na mente“, mas sim, observar tudo o que ocorre a sua volta e dentro de você.

Essa atenção, porém, deve ser feita sem interações, sem julgamentos. Você apenas observa.

Os pensamentos surgirão em sua cabeça, mas você não os questionará, até que ele se dissipe e um novo pensamento surja. Para saber mais detalhes desse tipo de meditação, já falamos dela em alguns textos, clique aqui para ver.

Esse novo estado de consciência adquirido com a prática, fará você enxergar o mundo e seu ambiente de trabalho de outra maneira. Você terá mais consciência sobre você mesmo, e também a respeito do outro, podendo evitar se envolver nos climas de tensão ou até mesmo quebrá-los através de suas novas atitudes.

“Quando sabemos como cuidar de nossas emoções fortes e estabelecer bons relacionamentos no trabalho, a comunicação melhora, o estresse é reduzido e nosso trabalho se torna muito mais agradável. Este é um grande benefício não só para nós mesmos, mas também para aqueles com quem trabalhamos, com nossos entes queridos, com nossas famílias e com toda a sociedade”. – disse o monge budista em seu livro “Trabalho – A Arte de viver e trabalhar em Plena Consciência“.

A mudança começa agora!

Se até agora você achou tudo interessante, mas não faz ideia de como aplicar isso lá na sua firma, relaxa. O monge optou por facilitar a aplicação da “mindfulness” ou “atenção plena” na nossa rotina, escrevendo 15 passos básicos que você deve seguir para ser beneficiado com os poderes deste tipo de meditação.

São ações bem simples, mas que prometem impactar de forma benéfica a nossa vida, dentro e fora do escritório.

Ao cuidar do presente, você está fazendo tudo o que puder para garantir um bom futuro” – Thich Nhat Hanh.

 

15 Passos para praticar mindfulness no trabalho:

1. Comece o seu dia com 10 minutos de meditação sentada.

2. Reserve um tempo para sentar e aproveitar o café da manhã em casa.

 

3. Lembre-se todos os dias de sua gratidão por estar vivo e ter 24 novas horas para viver.

 

4. Tente não dividir seu tempo em “meu tempo” e “trabalhar”. Todo o tempo pode ser seu próprio tempo se você ficar no momento presente e manter contato com o que está acontecendo no seu corpo e mente. Não há razão para o seu tempo no trabalho ser menos agradável do que o seu tempo em qualquer outro lugar.

 

5. Resista ao desejo de fazer chamadas no seu telefone celular enquanto estiver em seu caminho para o trabalho, ou no caminho para compromissos. Permita-se desta vez apenas estar com você mesmo, com a natureza e com o mundo ao seu redor.

 

6. Encontre uma “área para respirar” no local onde você trabalha para acalmar-se, parar e descansar. Faça pausas de respiração para voltar ao seu corpo e trazer seus pensamentos de volta ao presente.

 

7. Na hora do almoço, coma apenas a sua comida e não os seus medos ou preocupações. Não almoce na sua mesa. Altere ambientes. Vá caminhar.

 

8. Faça um ritual para beber seu chá. Pare de trabalhar e olhe profundamente na bebida para ver tudo o que foi feito: as nuvens e a chuva, as plantações de chá e os trabalhadores que colhem a erva.

 

9. Antes de ir a uma reunião, visualize um ser muito pacífico, consciente e habilidoso com você. Refugie-se nessa pessoa para ajudar a permanecer calmo e pacífico.

 

10. Se sentir raiva ou irritação, não faça ou diga qualquer coisa no momento. Observe sua respiração e siga sua expiração e inspiração até você se acalmar.

 

11. Pratique olhar seu chefe, seus superiores, seus colegas ou seus subordinados como seus aliados e não como seus inimigos. Reconheça que trabalhar de forma colaborativa traz mais satisfação e alegria do que trabalhar sozinho. Saiba que o sucesso e a felicidade de todos são o seu próprio sucesso.

 

12. Expresse sua gratidão e apreciação pelos seus colegas por suas qualidades positivas regularmente. Isso transformará todo o ambiente de trabalho, tornando-o muito mais harmonioso e agradável para todos.

 

13. Tente relaxar e restaurar-se antes de ir para casa, assim você não traz energia negativa acumulada ou frustração para casa com você.

 

14. Tire algum tempo para relaxar e volte para si mesmo quando chegar em casa antes de começar as tarefas domésticas. Reconheça que a multitarefa significa que você nunca está totalmente presente por qualquer coisa. Faça uma coisa de cada vez e dê toda a sua atenção.

 

15. No final do dia, mantenha um diário de todas as coisas boas que aconteceram no seu dia. Regue suas sementes de alegria e gratidão regularmente para que possam crescer.

Fonte(s): Huffington Post
Redação - Almanaque SOS
Sempre tem jeito. Acompanhe o SOS também pelo Facebook, Instagram e Twitter

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui