• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Sinta-se Bem

10 Massagens para você fazer em si mesmo e se ver livre das dores

Para aliviar as dores de cabeça, dor no joelho e até na bunda.

Depois de um longo dia não há nada melhor que receber uma massagem do mozão pra relaxar e nos livrarmos de algumas dores. Mas calma lá, quem disse que você precisa de um mozão? Bom, pelo menos não pra isso.

Se a grana tá curta para contratar massoterapeutas, abaixo reunimos uma série de massagens que você pode fazer em você mesmo. Se prepare para entregar-se ao prazeres e alívios da automassagem!

 

1. Dores na sola do pé

Depois de um dia todo na correria, muitas pessoas se queixam de dores na sola do pé. Pois uma boa massagem, com uma bolinha de tênis, pode dar um fim nela.

  • Em pé, coloque a bolinha de tênis em um ponto da sola, aquele que está dolorido. Solte seu peso sobre a bolinha, como se fosse dar um passo. Também vale levar o pé para frente e para trás, e de um lado para o outro.

  • Quanto maior a inflamação, mais dor vai sentir. Mas seja firme e aguente de 15 a 30 segundos. Repita isso de 3 a 4 vezes por dia e logo sua dor terá ido embora.

 

2. Dor nos joelhos

Passou o dia todo sentado e agora uma dorzinha no joelho surgiu? Isso se deve a pequenos nozinhos que se formam no músculo do joelho quando passamos muito tempo sentados, mas nada que uma massagem não resolva!

  • Sentado, estique sua perna e deixe-a descansar. Atente-se para que os músculos do seu quadril também estejam relaxados.

  • Usando a ponta dos dedos, massagem a região dolorida no joelho, por cerca de 10 segundos. Após a massagem, dobre e estique a perna por duas vezes. Repita todo o processo para cada dorzinha que estiver sentindo.

 

3. Alívio da dor de cabeça e na cervical

Quando a dor de cabeça bate e não temos nenhum remédio para buscar um alívio rápido, parece ser o fim do dia. Mas há uma alternativa.

  • Coloque duas bolinhas de tênis dentro de uma meia e amarre. Deite sob uma superfície dura (chão), e posicione as duas bolinhas na sua nuca, como um travesseirinho. A ideia é que o seu pescoço esteja posicionado entre as duas bolinhas.

  • Fique nessa posição de 5 a 10 minutos, fazendo movimentos suaves com a cabeça, para cima e para baixo, para direita e esquerda. Quando levantar, a dor terá diminuído.

  • Outra dica, ótima para dores na cervical, é usar uma garrafa PET pequena cheia de água morna, como explicamos aqui.

 

4. Má postura

As vezes nem nos damos conta, mas passamos o dia com uma má postura e é ela que pode ser a causa dessas dores nas costas que sentimos. Com uma massagem, você pode se livrar delas.

  • Deite-se no chão e posicione um rolo de espumas, aqueles tipo boia “macarrão” de piscina,  no centro das costas. Agora, usando o apoio dos pés, deslize para cima, fazendo o rolo de espuma rolar e massagear suas costas.

Há uma outra maneira para se ver livre das dores devido a má postura, mas essa não é bem uma massagem, é mais um exercício. Dá uma olhadinha aqui.

 

5. Nós musculares

Nós musculares, muito comuns da região das costas, podem te deixar com dores e com um desconforto bem latente por dias. Para “desatar” esse problemão, aposte novamente na bolinha de tênis.

  • Usando o chão ou a parede, pressione seu corpo contra a bolinha e faça movimentos de vai e vem, para que a bola role vagarosamente pela suas costas.

  • Faça pressão com o seu corpo sob a bolinha bem na região onde sente mais dor – provavelmente onde está o nó – e deixe esse “aperto” agir por 30 a 60 segundos. Repita a operação o quanto achar necessário.

 

6. Pós corrida, caminhada ou ao subir escadas

Depois de andar um bocado, correr uns quilômetros ou subir algumas dezenas de degraus, é comum surgirem dores no joelho e nas pernas. Para amenizá-las, utilize um rolo de espuma, tipo o macarrão de piscina, um pedaço de cano PVC grosso.

  • Deite de lado apoiando-se com as duas mãos, e posicione o rolo na lateral do seu quadril ou coxa.

  • Usando a força dos braços, deslize para cima, fazendo o rolo descer ate a altura do seu joelho. Depois inverta o movimento, desça o corpo, fazendo rolo subir novamente por toda lateral da coxa, até chegar ao quadril.

  • Faça o mesmo do outro lado e repita a operação o quanto achar necessário.

 

7. Tendinite por digitar o dia inteiro

Passar o dia todo digitando ou fazendo trabalho manual com os braços pode gerar uma dorzinha incômoda no antebraço.

  • Para se livrar dela, estique seu braço com a palma da mão para cima. Com a outra mão, segure firme bem no meio do antebraço. Então gire a palma da mão que estava para cima, para baixo.

  • Repita esse movimento de girar a palma da mão enquanto a outra mão que agarra o braço se move até chegar no pulso.

  • Mas atente-se, é para segurar firme e não para apertar demais.

 

8. Fascite Plantar

Se aquela dor na sola do pé está mais intensa, quase te impedindo de andar, é bem provável que seja fascite plantar, uma inflação causada na sola do pé, muitas vezes devido a grande esforço dos músculos da região.

Para acabar com essa inflamação, use uma garrafinha de água congelada para massagear a sola.

  • Coloque-a no chão e role a sola do seu pé sob ela, com movimentos de vai e vem.

  • Quando encontrar o ponto mais dolorido, faça um pouco de pressão com o pé sob a garrafa e deixe pressionado por alguns segundos. Faça essa massagem por uns 5 minutos, umas 4 ou 5 vezes por dia. A inflamação desaparece e a dor também.

Nosso parceiro (Alô, Alô? Testando!) até um vídeo sobre isso – para assistir é só clicar aqui.

 

9. Dor no maxilar

Há quem tem o costume de descarregar toda a tensão no maxilar. Isso, além de dores da região, ainda pode desencadear dores de cabeça. Uma massagem facial bem simples pode ser sua salvação.

  • Faça pressão com as pontas dos dedos na região da maçã do rosto próxima ao nariz até em direção as costeletas. Durante esse movimento abra e feche a boca.

  • Realize os movimentos ao acordar ou sempre que a ansiedade e a vontade de cerrar a mandíbula aparecer.

  • Ao chegar nas costeletas, deslize as pontas dos dedos para baixo, e como o dedão faça como se quisesse dar uma beliscadinha no osso do seu maxilar.

  • Vá dando essas “beliscadas” até chegar ao queixo.

 

10. Dor nos glúteos

Foram 4 horas de palestra, agora além de uma bunda quadrada, ela está bem dolorida. Dê um jeito nisso!

  • Sente-se no chão com as pernas dobradas, com as duas mãos apoiadas atrás de você.

  • Coloque uma bolinha de tênis sob sua nádega, apoie uma perna no chão e estique a outra, levantando ligeiramente seu corpo do chão. Com o bumbum, role a bolinha em pequenos círculos, de forma que ela massageia toda a região.

  • Repita o mesmo do outro lado.

Fonte(s): Buzzfeed, M de Mulher
Redação - Almanaque SOS
Desvendando o dia a dia. Acompanhe o SOS também pelo Facebook, Instagram e Twitter

Tá na rede!

Em caso de chefe
clique aqui