• Colabore!
  • Sobre nós
  • Contato
  • Anuncie

Sinta-se Bem

10 anos mais jovem: Esse cara resolveu parar de beber e o resultado foi surpreendente

Mudanças físicas, psicológicas e emocionais.

“Eu bebo sim, estou vivendo. Tem gente que não bebe e está morrendo”.

Mas saiba que é possível viver melhor ainda se você não afundar o pé na jaca. Os resultados podem aparecer muito antes do que você imagina e vão além de apenas parar de passar vergonha em público.

Não, eu não estou bêbada, juro por Deus.

Foi isso que deixou bem claro o chef americano Keith Urbowicz, morador da cidade de Niantic, em Connecticut, nos EUA.

Ele postou uma foto, por meio do seu perfil no site Reddit, que mostrava a diferença do seu rosto apenas 7 meses depois de largar o álcool. A foto bombou na internet, foi replicada em vários sites e a postagem recebeu milhares de comentários em poucos dias.

O motivo? O rapaz está visivelmente desinchando, com uma aparência jovem e um semblante mais bonito. Esboçando saúde, como diria nossa avó. Veja:

ANTES | DEPOIS

A birita em primeiro lugar

Keith, agora com 37 anos, disse em seu longo relato que começou a beber aos 14 e estava em um estado que bebia um litro de vodca por dia de 5 a 6 vezes por semana. A pausa era apenas por 1 ou 2 dias quando, segundo ele, geralmente passava dormindo.

Além disso, Keith não cuidava tão bem da própria saúde e da alimentação. Por exemplo, na foto da esquerda ele está com um dente inflamado e com a bochecha inchada. Esse era um tipo de coisa que ele não se importava e tentava aguentar a dor até que estivesse insuportável.

Quanto à alimentação, o chef contou em sua postagem que costumava beliscar comidas durante o dia para tentar curar a ressaca à noite. Como já estava cansado, se enchia de comidas nada saudáveis, como pizzas e hambúrgueres, sempre acompanhados de refrigerantes de cola. Tudo isso por décadas!

Ele também revelou aos internautas que sofria de apneia do sono, e ela se agravava quando bebia. Dessa forma, ele acabava sempre cansado durante o dia.

Keith em seus dias de birita e bebidas industrializadas.

1 Hora a menos de bebida por dia

De acordo com a publicação de Keith, para largar o vício ele passava uma hora a menos por dia bebendo, medida que se repetia no dia seguinte. Depois, foi aumentando as horas até conseguir enxergar através da “névoa” que beber realmente não compensava.

Segundo seu relato, o rapaz desistiu de pensar em maneiras de se embebedar e parou de tentar controlar tudo. Passou a andar com pessoas que não bebiam e se manteve ativo na comunidade sóbria.

Junto com o álcool, Keith também parou de comer demais e tomar bebidas com muito açúcar. Na primeira semana percebeu que tinha perdido peso e se viu obrigado a ingerir cerca de 1.000 calorias por dia durante algumas semanas.

Ele afirma que essa foi uma etapa difícil, mas, como viu que estava mais magro e obtendo bons resultados, decidiu que deveria continuar. Assim, no primeiro mês ele perdeu 13 quilos e no segundo mais 6 – com saúde!

Hoje, matriculado em uma academia, o chef revela que se sente 10 anos mais jovem, não sofre com a apneia e vive uma vida consideravelmente mais feliz que a antiga, regada a bebidas.

“Passo o dia fazendo coisas que nunca fiz”

O chef conta em seu texto que quando parou de beber se sentiu capaz de fazer boas escolhas no geral.

Assim, ele recuperou a vontade de crescer no trabalho e conseguiu um segundo emprego, no qual passava 4 noites por semana como cozinheiro particular para uma grande família. Uma coisa que seria impossível na época de bebedeira.

Na vida pessoal diz que conheceu “o amor da sua vida” e fez amigos reais, de qualidade. Segundo ele, uma das melhores partes de não beber é como passa seu dia de folga.

“Eu acordo bem cedo, tomo café, alimento os pássaros e desfruto de um dia inteiro fazendo coisas que eu sempre fantasiei, mas nunca tinha feito.”, diz Keith.

Keith com a nova namorada, Tosh

Quase recaída

Ainda em sua publicação, ele revelou que chegou perto de ter uma recaída recentemente, quando quase perdeu sua mãe. Ao lado de sua namorada, Keith a levou para a emergência. Depois que tudo terminou e a vontade de beber apareceu, conseguiu se manter forte.

Como seu caso rodou a internet, quase 3 mil comentários foram postados (até o momento deste artigo e apenas na publicação original de Keith). Em um deles a pessoa dizia estar muito bem bebendo, pois conseguia se controlar.

A resposta do chef foi simples e certeira: “Se não está fazendo nenhum mal físico ou psicológico a ninguém, então isso é uma escolha sua”.

Comment from discussion My sobriety..

– “Pergunta séria: E se eu não estiver envergonhado? E se eu estiver me divertindo? Pois eu sei quando passo dos limites… Como um creme quando passa do ponto. Estou em um bar agorinha.”
Comment from discussion My sobriety..

– “Eu era assim também. Hey, se você não está causando nenhum dano físico ou emocional a mais ninguém, a escolha é sua.”

Se você está percebendo que o álcool está fazendo mal ao seu corpo, à sua mente e atrapalhando a sua vida, peça auxílio. Não existe vergonha nenhuma em fazer isso e você deve se ajudar, aconselha o rapaz.

Fonte(s): Reddit
Rui Davi
Comunicador baiano que toca guitarra e ainda espera ser um astro do Rock. Enquanto isso, se contenta em escrever. Fã de boas histórias. Faz roteiros, fotografa, edita videos, canta e sapateia.

Tá na rede!

Quero mais!

Veja mais artigos!

Em caso de chefe
clique aqui